Energia

Eneva tem lucro líquido de R$ 203 milhões no 1º trimestre, alta de 13%

A receita operacional líquida ficou em R$ 951,4 milhões, leve avanço de 1,3% na comparação com a receita de R$ 939,1 milhões apresentada um ano antes

Por  Rodrigo Tolotti

SÃO PAULO – A companhia elétrica Eneva (ENEV3) registrou um lucro líquido de R$ 203 milhões no primeiro trimestre, alta de 13% ante o mesmo período de 2020.

O lucro antes de impostos, juros, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado foi recorde para um primeiro trimestre, de R$ 446 milhões, alta de 2,8%, com melhora das margens fixas das usinas a gás, aumento da margem variável em Pecém II e menores gastos com sísmica em relação a um ano antes.

A receita operacional líquida, por sua vez, ficou em R$ 951,4 milhões, leve avanço de 1,3% na comparação com a receita de R$ 939,1 milhões apresentada um ano antes.

Enquanto isso, a posição de caixa e equivalentes ficou em R$ 2,1 bilhões no final do trimestre e a alavancagem (dívida líquida/Ebitda últimos 12 meses) em 3,3 vezes.

Série gratuita ensina na prática como identificar ativos com excelente potencial de valorização. Clique aqui para se inscrever.

Compartilhe