Renda Fixa

Empurrados por alívio no mercado cambial, juros futuros têm leve queda

Contratos seguem refletindo o ritmo lento de crescimento na indústria reportados na véspera

SÃO PAULO – Seguindo a tendência vista nas últimas sessões, os principais contratos de juros futuros fecharam esta quarta-feira (5) próximos da estabilidade, com os contratos mais longos reportando quedas ligeiramente maiores.

O movimento continua refletindo o fraco crescimento da indústria apresentado na véspera em pesquisa mensal do setor. Além disso, o recuo do dólar nesta sessão, levando a um alívio momentâneo no mercado de câmbio, ajudam a manter o ritmo de queda dos contratos, principalmente os com prazos mais longos. 

Contrato de janeiro de 2014 fechou com taxa de 7,09%
O contrato de juros de maior liquidez nesta quarta-feira, com vencimento em janeiro de 2014, registrou uma taxa de 7,09%, estável em relação ao fechamento de terça-feira.

PUBLICIDADE

Outros contratos que fecharam com bom volume negociado foram o com vencimento em julho de 2013, que registrou taxa de 7,03%, e o de janeiro de 2015, com taxa de 7,60%. Ambos ficaram estáveis nesta sessão.

A seguir confira o fechamento das taxas dos principais contratos de juros futuros na BM&F:

VencimentoTaxa atualTaxa anterDiferençaContr Neg
Janeiro de 20137,117,09+0,0261.477 
Abril de 20137,067,060,0077.222 
Julho de 20137,037,030,00233.556 
Outubro de 20137,047,05-0,0116.215 
Janeiro de 20147,097,090,00682.328 
Abril de 20147,157,150,009.710 
Julho de 20147,277,270,0057.508 
Outubro de 20147,427,43-0,011.130 
Janeiro de 20157,607,600,00211.560 
Janeiro de 20168,158,17-0,0273.965 
Janeiro de 20178,508,53-0,03142.619