Desktop (DESK3) tem lucro atribuído aos acionistas controladores de R$ 18 mi, alta anual de 146%

Já o lucro consolidado do período foi de R$ 21,1 milhões, 134,4% maior na base de comparação anual.

Equipe InfoMoney

Publicidade

A Desktop (DESK3), empresa de internet banda larga, teve alta anual de 146,6% do lucro atribuído aos acionistas controladores no primeiro trimestre de 2023 (1T23), totalizando R$ 18 milhões.

Já o lucro consolidado do período foi de R$ 21,1 milhões, 134,4% maior na base de comparação anual.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) foi a R$ 109,7 milhões, alta anual de 74,7%. A margem ficou em 49%, alta de 9 p.p. (pontos percentuais) na base de comparação anual.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

A receita líquida avançou 41,6%frente o 1T22, para R$ 222 milhões.

O número de casas conectadas (HCs) teve avanço de 43%, para 955 mil assinantes no fim de março. Já o número de casas passadas (HPs) cresceu 35%, para 4,2 milhões.

A dívida líquida da companhia foi a R$ 620,7 milhões, um crescimento de 73%. A alavancagem da companhia, medida pela relação dívida líquida sobre Ebitda proforma anualizado, foi a 2,3 vezes, ante 2,6 vezes do 1T22.