F5

Como as empresas protegem seus dados de vazamentos e ataques hackers, segundo a McAfee

Para comentar sobre a lei, sua importância e o mercado de segurança cibernética no geral, o F5 desta quarta-feira (21) recebeu o gerente de engenharia da McAfee no Brasil, Carlos Jardim, como convidado 

SÃO PAULO – Em março deste ano, o Facebook virou notícia em todo o mundo por ter se envolvido em um escândalo de vazamento de dados de mais de 50 milhões de usuários para a empresa Cambridge Analytica, ligada à campanha presidencial de Donald Trump em 2016.

Isso só veio à tona após reportagem do The New York Times, que relatou como a empresa teve acesso a tais dados e como eles foram usados.

PUBLICIDADE

Esse foi o mais recente ponto de partida da discussão de segurança cibernética e de proteção de dados, hoje um tema em alta no Brasil mesmo meses após a polêmica – isso porque, em agosto deste ano, o presidente Michel Temer sancionou a Lei Geral de Proteção de Dados, que cria uma regulamentação específica para as empresas que lidam com dados sensíveis de clientes.

Para comentar sobre a lei, sua importância e o mercado de segurança cibernética no geral, o F5 desta quarta-feira (21) recebeu o gerente de engenharia da McAfee no Brasil, Carlos Jardim. 

Assista à entrevista no player acima.

Invista melhor o seu dinheiro. Abra sua conta na XP Investimentos.