Colunista InfoMoney: Fundamentos para os investidores em ações

Não existe e nem vai existir uma fórmula mágica que resulta em lucro certo no investimento em ações

Fernando Caio Galdi

Como você decide em quais ações investir? Você considera as informações que lê na mídia especializada? Considera apenas a opinião de sua corretora? Considera as opiniões de diversos analistas de ações? Decide com base em suas próprias análises?

Publicidade

Independente de sua resposta, você somente estará certo se ao fazer seu investimento tiver conhecimento dos riscos envolvidos no negócio e dos conceitos que regem os mercados.

Não existe e nem vai existir uma fórmula mágica que resulta em lucro certo no investimento em ações. Mesmo os mais bem sucedidos dos investidores incorrem em perdas. Entretanto investidores de sucesso acertam mais do que erram. Analistas de sucesso também. O mesmo para as empresas de sucesso. O que eles têm em comum? Eles conhecem o negócio, seus indicadores básicos e seus riscos.

“Investidores devem sempre avaliar os indicadores fundamentalistas básicos”

Apesar das incertezas do mercado, há alguns fatos que são usualmente recorrentes e que podem ajudá-lo na decisão de investir em determinada ação. Vou apresentar algumas evidências que conhecemos dos comportamentos dos mercados de capitais ao redor do mundo, e de alguns fatores específicos do Brasil. Essas evidências são apresentadas em diversos trabalhos científicos de pesquisadores das áreas de finanças e contabilidade (há muitas pesquisas interessantes e importantes nessas áreas1) e podem ajudá-lo em suas decisões de investimento.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Inicialmente, é importante dizer que as evidências empíricas apontam que investimentos de médio ou longo prazo baseados em análise fundamentalista têm desempenho superior ao índice de mercado. Isso é verdade para o mercado norte-americano e para o mercado brasileiro2. A aplicação de estratégias de investimento consistentes baseadas nas informações financeiras das empresas e nas informações de mercado resultam em retornos acima dos obtidos pelo benchmark de mercado.

A análise de demonstrações contábeis é a base do processo de avaliação de empresas. A análise fundamentalista baseia-se na ideia de que investidores sofisticados têm a capacidade de utilizar informações financeiras históricas passadas de maneira a elaborar estratégias de investimento lucrativas.

A análise criteriosa e detalhada de demonstrações contábeis pode resultar em informações relevantes para a tomada de decisões. Contudo, uma hipótese central para o funcionamento de estratégias de investimento baseadas em informações contábeis se refere ao nível de eficiência do mercado de capitais. Em 1970, Eugene Fama, um renomado professor de Finanças da Universidade de Chicago definiu três formas de eficiência de mercado:

Continua depois da publicidade

Diversos autores investigaram a hipótese do mercado eficiente para o caso específico do Brasil e de forma geral concluem que o mercado de capitais brasileiro não é eficiente da forma forte. Assim a análise das informações existentes no mercado pode gerar valor (e normalmente o fazem) para os investidores.

Os investidores devem sempre avaliar os indicadores fundamentalistas básicos, como o Price-Earnings (Preço/Lucro), o Price-to-Book (Preço/Valor Patrimonial) e o Price-Sales (Preço/Vendas). Esses indicadores têm comportamento cíclico e podem indicar boas oportunidades de compra. Índices muito altos indicam ações que provavelmente estão valorizadas. Índices baixos aliados com a análise fundamentalista das empresas podem indicar boas oportunidades de negócio. Toda a análise de investimento em ações deve começar com a identificação de uma boa oportunidade de negócio. Os índices fundamentalistas básicos são um bom início.

1 Veja diversos exemplos em: www.ssrn.com
2 Veja evidências para o mercado brasileiro em minha tese disponível em www.teses.usp.br

Doutor em Ciências Contábeis pela FEA-USP, Fernando Caio Galdi é professor da FUCAPE Business School e escreve mensalmente na InfoMoney, às quintas-feiras.
fernando.galdi@infomoney.com.br