Bolsas de NY sobem, com Dow Jones e S&P 500 em recorde; Meta salta 20% com dividendo inédito

As ações de tecnologia induziram o clima positivo em Wall Street

Estadão Conteúdo

Publicidade

As bolsas de Nova York fecharam em alta, com o Dow Jones e o S&P 500 em patamares recordes, após os ganhos se acelerarem durante a tarde desta sexta-feira.

As ações de tecnologia induziram o clima positivo em Wall Street, com um salto de mais de 20% da Meta em reação a projeções acima das expectativas e do anúncio de um inédito pagamento de dividendo pela companhia dona do Facebook. O cenário se sobrepôs a incertezas sobre cortes de juros nos EUA, após dados que mostraram solidez do mercado de trabalho nos EUA.

O índice Dow Jones avançou 0,35%, aos 38.654,42 pontos. O S&P 500 ganhou 1,07%, aos 4.958,61 pontos e o Nasdaq, 1,74%, para os 15.628,95 pontos. Na semana, o Dow Jones subiu 1,43%; o S&P 500, 1,38% e o Nasdaq, 1,12%.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Os EUA criaram 353 mil empregos em janeiro, em termos líquidos, de acordo com o Departamento do Trabalho do país. O resultado superou todas as expectativas de Wall Street – até mesmo as mais otimistas. O relatório esvaziou ainda mais a probabilidade de o corte de juros pelo Federal Reserve (Fed) começar em março, enquanto abalou algumas expectativas de que o encontro de maio será o palco para início do alívio monetário. Em relatório, o Goldman Sachs reiterou sua previsão para o início da flexibilização em maio.

Apesar das incertezas, o sinal positivo se espalhou pelas bolsas, turbinadas sobretudo pelas techs. As ações da Meta avançaram 20,3% e fecharam na máxima histórica, atingindo um valor de mercado de US$ 1,22 trilhão, de acordo com o site Companies Market Cap, ainda em reação a anúncio de dividendos. Só no pregão desta sexta-feira, o valor de mercado cresceu cerca de US$ 200 bilhões.

A Amazon, que também soltou balanço, subiu 7,87%, depois que a gigante do comércio eletrônico anunciou lucro e venda no quarto trimestre que superaram as estimativas. A ação teve o maior ganho intradiário desde 4 de agosto de 2023, quando ganhou 8,3%, de acordo com a Dow Jones Market Data. Com o desempenho, a Amazon superou a Alphabet, dona do Google, em valor de mercado pela primeira vez desde 2022.

Continua depois da publicidade

A Apple, por outro lado, cedeu 0,54%, após o declínio das vendas da empresa na China ofuscar o lucro e as vendas do quarto trimestre, que ultrapassaram as estimativas.

A boa notícia é que, com exceção da Tesla, as “Sete Magníficas”, que respondem por mais de 30% do peso do S&P 500 não decepcionaram, escreveu o analista da Navellier, Jasmine Naperi. “A pergunta é se o restante do mercado vai conseguir se equiparar a elas”, completou. As sete gigantes do grupo “Sete Magníficas” são a Apple , Microsoft, Alphabet, Amazon, Nvidia, Tesla e Meta.

Em reação a balanços, a Exxon Mobil caiu 0,41% e a Chevron marcou alta de 2,94%.

Os bancos também tiveram um dia positivo. Os papéis do New York Community Bank subiram 5,04%, ante uma queda acumulada de mais de 42% em 5 dias na sequência da divulgação de um inesperado prejuízo de US$ 252 milhões no quarto trimestre, que expôs as dificuldades ainda latentes do setor imobiliário nos EUA.