Bolsas da Ásia fecham mistas, com novo recorde em Tóquio e realização de lucros em Xangai

Na volta de um feriado no Japão, o índice Nikkei subiu 0,35% em Tóquio hoje, a 39.233,71 pontos, sustentado por ações de varejistas e atingindo pico histórico pelo segundo pregão seguido

Estadão Conteúdo

Publicidade

São Paulo, 26/02/2024 – As bolsas asiáticas fecharam sem direção única nesta segunda-feira, com a de Tóquio renovando máxima histórica e a de Xangai interrompendo uma longa sequência de ganhos.

Na volta de um feriado no Japão, o índice Nikkei subiu 0,35% em Tóquio hoje, a 39.233,71 pontos, sustentado por ações de varejistas e atingindo pico histórico pelo segundo pregão seguido.

Na China continental, os mercados tiveram desempenho misto. O Xangai Composto recuou 0,93%, a 2.977,02 pontos, em um provável movimento de realização de lucros, depois de avançar por oito sessões consecutivas em meio a medidas de estímulos e iniciativas do governo chinês para estabilizar os preços das ações. O menos abrangente Shenzhen Composto, por outro lado, teve alta de 0,44%, a 1.677,15 pontos.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Em outras partes da Ásia, o Hang Seng caiu 0,54% em Hong Kong, a 16.634,74 pontos, e o sul-coreano Kospi cedeu 0,77% em Seul, a 2.647,08 pontos, enquanto o Taiex registrou modesto ganho de 0,31% em Taiwan, a 18.948,05 pontos.

Na Oceania, a bolsa australiana ficou no azul pelo terceiro pregão seguido, com ajuda de ações do setor bancário. O S&P/ASX 200 teve ligeira alta de 0,12% em Sydney, a 7.652,80 pontos.

*Com informações da Dow Jones Newswires