Bolsa de Buenos Aires cai 4,08%, outras bolsas da região também em baixa

Conteúdo do Portal InfoMoney – Editoria Mercados

Por  Equipe InfoMoney

As bolsas latino-americanas fecharam em queda generalizada nesta terça-feira,
influenciadas pela baixa nas bolsas dos
EUA; o índice Dow Jones e o Nasdaq Composite apresentaram variações negativas de 1,46%
e 2,32%, respectivamente. O mercado
americano aguarda ansioso pela divulgação dos lucros da Intel e da IBM, que devem ocorrer
após o pregão.
O índice Merval da Bolsa de Buenos Aires fechou o dia em queda de 4,08%, com todas as
ações do índice apresentando baixas. Os
destaques negativos ficaram com a holding Comercial del Plata (-9,80%), com o grupo
financeiro Galícia
(-8,03%) e com a siderúrgica Acindar (-7,03%). Grande parte do setor agrícola argentino iniciou
uma greve, com fortes críticas ao presidente De la Rúa, o
que pode agravar ainda mais a crise pólitica no país.
A Bolsa do México fechou o dia em queda de 1,37%, devido ao aumento da taxa de juros no
país. O banco central mexicano tomou a
decisão com objetivo de frear a economia, que vinha crescendo a um ritmo acelerado, o que
poderia aumentar a taxa de inflação e
comprometer as contas externas do país. Os destaques de baixa foram o grupo Desc (-
8,40%), a construtora ICA (-5,31%) e o grupo industrial Maseca (-5,00%).























Outros mercados: Chile IPSA -2,07%
Peru ISBVL -1,13 %
Venezuela IBVC -1,80 %
Colômbia IBB -0,67 %

Compartilhe