Em mercados / bitcoin

Diretores de escola chinesa são pegos minerando Ethreum no trabalho

Embora seja improvável que alguma instituição permita que seus funcionários utilizem suas instalações ou energia para minerar criptomoedas, isso não impediu alguns de tentar

Bitcoin
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Dois diretores em uma escola Chinesa se encrencaram após roubarem poder computacional da instituição para minerar a criptomoeda ethereum, a segunda maior em volume de mercado.

De acordo com a reportagem da agência de notícias HK01 de Hong Kong publicada na quarta-feira (7), a Puman Middle School, localizada na província de Hunan, tem experimentado ruídos em níveis mais altos do que o normal de seus computadores nos últimos meses, até mesmo em feriados.

A rede de TI da escola também havia desacelerado significantemente, enquanto o consumo de eletricidade quase dobrou de julho até novembro.

O diretor geral da escola inicialmente diminuiu o consumo de energia devido ao uso excessivo dos ares-condicionados, mas uma investigação feita revelou que um dos diretores da escola, Lei Hua, e o vice-diretor, Wang Zhipeng, haviam instalado 9 computadores cujo valor em conjunto chega a aproximadamente US$ 7.000,00 para minerar a criptomoeda ethereum, segundo a reportagem.

A escola reportou um prejuízo no valor de US$ 2.163,00 por conta do uso da eletricidade, motivo pelo qual o diretor foi punido e removido de seu cargo na escola, bem como também foi removido de dentro do Partido Comunista. Já o vice-diretor recebeu apenas um aviso por parte da escola.

Embora seja improvável que alguma instituição permita que seus funcionários utilizem suas instalações ou energia para minerar criptomoedas, isso não impediu alguns de tentar.

Em março, um funcionário público do Departamento de Citrus da Flórida foi preso por supostamente usar computadores para minerar criptomoedas. Ao mesmo tempo, o procurador-geral de Louisiana estava investigando um grupo de ex-funcionários pelo mesmo delito.

E no ano passado, um ex-funcionário do Federal Reserve Board of Directors (Conselho de Diretores do Federal Reserve) foi multado em US$ 5.000,00 e posto em liberdade condicional após ser pego minerando bitcoin em um servidor pertencente ao Banco Central dos Estados Unidos.

Quer investir em Bitcoin com taxa ZERO e atendimento 24 horas? Clique aqui e abra sua conta na XDEX

 

Contato