Em mercados / bitcoin

Fundo de criptoativos compra 6% da empresa da stablecoin MakerDAO

Moeda estável Dai (DAI) promete ser a primeira realmente descentralizada e funcional

MakerDAO
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Na segunda-feira (24) a empresa de Tecnologia MakerDAO anunciou em seu blog no Medium a venda de 6% dos tokens de sua Stablecoin para fundo a16z crypto, um dos mais reconhecidos no mercado.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

A MakerDAO trabalha na construção de um projeto ambicioso: Ser o primeiro Stablecoin realmente descentralizado e funcional do mercado. O Token é construído no formato de verificação por contratos inteligentes na plataforma do Ethereum. A equipe conta com diversos especialistas e busca acelerar a aceitação da Dai (DAI) nos próximos meses.

O fundo de criptoativos a16z crypto é um dos mais reconhecidos no mercado e pertence ao “Guru” da internet Andreessen Horowitz. O fundo mantém posições compradas por longos períodos e procura não mudar posições em momentos de alta volatilidade. Além disso, participam ativamente nos projetos em que estão comprados.

Com a aquisição de 6% do total de Tokens DAI, investimento de 15 milhões (USD), a a16z participará ativamente da governança da MakerDAO.
Além disso o fundo se compromete com nova injeção de capital na próxima fase de captação e apoio de sua equipe própria, que possui mais de 80 especialistas. A adoção do Dai (DAI) pelo mercado e o suporte regulatório são as principais prioridades da equipe.

O número de Stablecoins vem crescendo, e o potencial desse mercado se mostra bastante promissor. É importante entendermos que a Stablecoin tem um papel de parear moedas fiduciárias tradicionais e, assim, estabilizar o valor, tornando-a uma moeda com propriedades digitais mas com preço atrelado ao das reservas de valor fiduciárias.

Com isso, elas dão um passo importante para a digitalização do dinheiro apesar de ainda não endereçarem questões em relação aos meios de troca tradicionais como confiabilidade em instituições e segurança. Problemas esses, que ainda são mais bem resolvidos por protocolos como o próprio Bitcoin.

Aqui no CryptoMoney noticiamos também o lançamento recente da Gemini, Stablecoin regulada nos Estados Unidos porém centralizada na empresa dos irmãos Winklevoss. Falamos também sobre um problema com a moeda Tether, que é a maior Stablecoin em circulação atualmente.

Quer receber análises e recomendações de criptomoedas de um dos maiores especialistas do Brasil? Clique aqui e assine o CryptoInsights

 

Tudo sobre:  Bitcoin  

Contato