Em mercados / bitcoin

Bitcoin desaba 12% após Goldman Sachs adiar lançamento de mesa de operações

O banco disse que vai concentrar seus negócios no estabelecimento de custódia de criptomoeda para ajudar investidores institucionais a entrarem no mercado

Bitcoin
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Após passar a cair forte na véspera, o Bitcoin segue sua derrocada nesta quinta-feira (6), voltando para a casa dos US$ 6.500, puxando praticamente todo o mercado de criptomoedas. No fim desta manhã, a maior moeda digital do mundo registrava perdas de 12% no acumulado de 24 horas, cotada a US$ 6.509, enquanto no Brasil as perdas são de 7,68%, para R$ 26.937.

Quer receber análises e recomendações de criptomoedas de um dos maiores especialistas do Brasil? Clique aqui e assine o CryptoInsights

Entre os principais ativos digitais, o Ethereum recua cerca de 12%, cotado a US$ 228,25, enquanto o Ripple recua 4,89%, para US$ 0,291565. Caem forte também o Bitcoin Cash (-9,63%) e o EOS (-11,55%). Das 100 maiores criptomoedas do mundo, apenas quatro registravam alta no início da tarde desta quinta.

A principal notícia que puxa os preços para baixo é que o Goldman Sachs decidiu adiar o lançamento de sua mesa de operações de Bitcoin. O banco confirmou que não vai realizar esta mudança agora, concentrando seus negócios no estabelecimento de custódia de criptomoeda para ajudar investidores institucionais a entrarem no mercado.

"Em resposta ao interesse do cliente em vários produtos digitais, estamos explorando a melhor forma de atendê-los no espaço. Neste ponto, não chegamos a uma conclusão sobre o escopo de nossa oferta de ativos digitais", disse um executivo da Goldman Sachs ao portal Business Insider.

Além disso, o mercado segue receoso sobre as questões regulatórias, ainda mais após a SEC (Comissão de Valores Mobiliários dos EUA) adiar no mês passado a decisão sobre a criação de um ETF baseado em bitcoin. O órgão já negou diversos casos e agora os investidores ficam de olho no principal deles, proposta da empresa de investimentos VanEck.

Por fim, para justificar uma queda dos preços, rumores circulam no Reddit de que uma "baleia" (investidor com grande quantidade de criptoativos) estaria vendendo cerca de US$ 1 bilhão em moedas digitais. Por ter grande participação no mercado, ao realizar um movimento como esse, a tendência é puxar o preço para baixo.

Por outro lado, não há uma comprovação desta venda massiva, e analistas acreditam que isto não seria o suficiente para explicar toda esta queda nas últimas 48 horas.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

 

Tudo sobre:  Bitcoin  

Contato