Em mercados / bitcoin

Grupo de bares de São Paulo passa a aceitar Bitcoin e Litecoin como meio de pagamento

Entre as casas que fazem parte estão o Tatu Bola Bar, Eu Tu Eles, Boteco Boa Praça, Indústria Brasileira Bar, e as baladas SUB e Toca do Tatu.

Bitcoin
(Shutterstock)

SÃO PAULO - O grupo de bares ALIFE, que consiste em 11 estabelecimentos conhecidos de São Paulo, anunciou a implantação de um sistema que possibilita aceitar as criptomoedas como uma nova forma de pagamento. Entre as casas que fazem parte estão o Tatu Bola Bar, Eu Tu Eles, Boteco Boa Praça, Indústria Brasileira Bar, e as baladas SUB e Toca do Tatu.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

A primeira casa do grupo que irá adotar o uso de moedas digitais é o Boteco Boa Praça, localizado na Avenida Faria Lima, que já aceita tanto Bitcoin quanto Litecoin para pagamento. Com isso, o bar se torna o primeiro estabelecimento do Brasil a aceitar Litecoin.

Em nota, o grupo afirma que as outras casas passarão a aceitar as moedas digitais em breve. Segundo os sócios da ALIFE, o processo para implementar o sistema acabou sendo natural dado o crescimento das criptomoedas: "temos uma enorme demanda de clientes pedindo por esse meio de pagamento", diz Gustavo Araujo.

"Esperamos o momento certo para aderir às criptomoedas porque o Bitcoin não funciona para transações de baixo valor, como contas de bares e restaurantes, já que a taxa de transação é muitas vezes maior que o valor da própria conta e existe uma demora na validação", explica o sócio.

"A grande inovação aqui está em aceitarmos o Litecoin, moeda que tende a ser usada no mundo inteiro para pequenos e rápidos pagamentos, já que, em comparação aos outros meios de pagamentos tradicionais, crédito e débito, o Litecoin tem um valor de taxa inferior para o dono do estabelecimento", conclui Araujo.

O sistema usado é o da CoinWISE, chamado de PayWISE. Ao solicitar o pagamento com criptomoedas, o atendente da casa acessa o link da empresa por um smartphone, tablet ou computador, digita o valor da conta em reais e, automaticamente, o sistema calcula o preço em bitcoin ou litecoin.

Com isso, um QR-Code da transação é criado e basta o cliente escanear com sua carteira de criptomoedas no celular para o processo ser finalizado com uma mensagem de confirmação.

 

Contato