EXPERIMENTE!

Clique e experimente a
versão rápida do

Em mercados / bitcoin

Bitcoin despenca 15% e criptomoedas "perdem" US$ 100 bi com onda de notícias negativas

O mundo da criptografia está sendo atormentado por uma onda de notícias negativas nos últimos dias

Bitcoin
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Esta sexta-feira (2) é mais um dia de derrocada para os bitcoins e demais criptomoedas, que perderam mais de US$ 100 bilhões de valor de mercado nas últimas 24 horas em meio à preocupação com uma regulação mais dura e investigações nos EUA de manipulação de preços por uma exchange chamada Bitfinex.

O bitcoin registrava nesta manhã perdas de 15,64% na comparação com a cotação de 24 horas atrás, a US$ 8.280,73, enquanto o ethereum registrava baixa de 21,57% (US$ 872,21), o ripple caía 32,08% (US$ 0,734211) e o bitcoin cash caía 20,67% (US$ 1.115,76). No mercado brasileiro, a queda do bitcoin é ainda mais expressiva, com baixa de 27% (chegando a baixa de 30%), a R$ 22.210 (veja mais cotações clicando aqui). 

 Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

A capitalização total do mercado ou o valor de todas as criptografia em circulação era de US$ 405.241.490.138,00 (ou US$ 405,24 bilhões) nesta manhã, de acordo com dados da Coinmarketcap.com. Esta foi uma queda de US $ 112,6 bilhões de valor na comparação com um dia antes.

O mundo da criptografia está sendo atormentado por uma onda de notícias negativas nos últimos dias. 

As perdas acompanham os comentários recentes do ministro das Finanças da Índia, Arun Jaitley, que levantaram preocupações sobre o aumento da regulamentação sobre criptomoedas no país. Jaitley disse em um discurso na quinta-feira que o governo "não considera criptomoedas ativos legais ou moedas e tomará todas as medidas para eliminar o uso desses criptoativos no financiamento de atividades ilegais ou como parte do sistema de pagamento". O ministro afirmou ainda que o governo indiano irá explorar os potenciais da tecnologia blockchain, que está por trás do bitcoin e outras criptomoedas.

Além disso, o The New York Times informou na última quarta-feira que um crescente número de investidores nas moedas digitais estão preocupados que o preço do bitcoin e outras moedas digitais tenham sido inflado pela exchange de criptografia Bitfinex. A Bloomberg relatou na terça-feira que, em dezembro, a Comissão de Futuros e Negociação de Mercadorias dos Estados Unidos citou a Bitfinex e uma empresa de criptografia chamada Tether, que é administrada por muitos dos mesmos executivos. Ainda não há muitas informações sobre o conteúdo da investigação, mas as especulações se intensificaram. 

Além disso, as criptomoedas sofreram mais um baque em sua imagem após uma das maiores bolsas de criptomoedas do Japão, a Coincheck, afirmar que cerca de US$ 532 milhões (pouco menos de R$ 1,7 bilhão) em tokens NEM foram perdidos depois que as moedas foram retiradas "ilicitamente" de seus sistema, assustando os investidores do país, que é considerado uma referência na regulamentação de moedas digitais.

Contato