Correção nos preços

Bitcoin cai mais de 10% após El Salvador adotar a moeda digital e mercado cripto perde US$ 315 bi

Forte queda dos preços ocorre rali na semana passada e com investidores alavancados puxando preços durante a queda

SÃO PAULO – Após uma forte arrancada no fim da semana passada, o mercado de criptomoedas passa por uma forte correção desde terça-feira (7), com o Bitcoin (BTC) chegando a cair mais de 10% no acumulado de 24 horas.

O recuo acontece como uma correção diante do rali, principalmente de criptomoedas como Solana (SOL), Polkadot (DOT), Cardano (ADA), entre algumas outras, que já estavam há pelo menos uma semana subindo forte todos os dias, mas que com as perdas de agora passam a acumular quedas de dois dígitos nos últimos sete dias.

Às 12h20 (horário de Brasília) desta quarta-feira (8), os preços começavam a se estabilizar e a maior criptomoeda do mundo registrava perdas de 1,74%, cotada a US$ 46.121, após chegar a US$ 52.850 no fim da noite de segunda, o que representa um recuo de 12,7% desde então.

Além disso, a queda também ocorre no momento em que El Salvador se tornou oficialmente o primeiro país do mundo a adotar o Bitcoin como moeda oficial, o que passou a valer na terça.

Ontem, o governo salvadorenho desativou temporariamente a Chivo, sua carteira estatal de Bitcoin, para aumentar a capacidade dos servidores, que estavam impedindo que novos usuários a instalassem, segundo anúncio feito pelo presidente Nayib Bukele no Twitter na manhã de terça.

“Quaisquer dados que eles tentarem inserir neste momento causarão um erro”, disse ele. “Este é um problema relativamente simples, mas não pode ser corrigido com o sistema conectado”, completou.

Durante a tardem em meio ao cenário bastante negativo dos preços, Bukele voltou ao Twitter para avisar que o governo de El Salvador estava aproveitando a queda para “comprar na baixa”, adquirindo 150 bitcoins (cerca de US$ 6,9 milhões), que se somam aos 400 bitcoins que já haviam sido adquiridos anteriormente.

Alavancados ajudam na queda

No início da tarde desta quarta os preços davam sinais de terem atingido um fundo, pelo menos no curto prazo, conforme as cotações passavam a se estabilizar.

O Ethereum (ETH) agora opera com leve alta de 0,02%, cotado a US$ 3.410, mas ainda com perdas de 13,2% desde a noite de segunda, enquanto a Cardano (ADA) sobe 3,61%, para US$ 2,41, também acumulando uma queda expressiva de 15% nas últimas 36 horas.

PUBLICIDADE

Dentre outras altcoins, destaque também para Solana (SOL), que agora recua apenas 0,35% em 24 horas, apesar de ainda ter queda de 13,5% desde segunda, cotada a US$ 161,74. Binance Coin (BNB), Polkadot (DOT) e Uniswap (UNI) sobem neste início de tarde, 1,17%, 1,38% e 1,08%, respectivamente.

As perdas generalizadas desde a noite de segunda fizeram com que o mercado total de criptomoedas perdesse cerca de US$ 315 bilhões em valor de mercado, mas ainda se mantendo acima dos US$ 2 trilhões de capitalização, valendo US$ 2,061 trilhões.

Não houve nenhuma notícia específica que explicasse a queda forte desde segunda, mas uma combinação de correção após as altas recentes com um novo cenário de muitos investidores alavancados ajuda a trazer um panorama do motivo para esse recuo.

Dados das redes de diversas criptos mostram esse movimento, como o Ethereum, com as taxas subindo para níveis próximos aos de maio conforme mais investidores utilizam a estratégia para tentar ganhos maiores em um cenário de alta – mas isso também pode levar a perdas expressivas no caso de uma correção.

Com a alavancagem, investidores “pegam emprestado” uma quantia para operar mais do que possuem, maximizando os lucros. Porém, no caso de uma reversão do mercado eles são obrigados a zerarem suas posições, impulsionando o movimento negativo (veja mais clicando aqui).

Movimento parecido aconteceu em junho, quando o Bitcoin e outras criptomoedas caíram forte em poucas horas com notícias da China perseguindo mineradores e empresas ligadas a esse mercado, enquanto o CEO da Tesla, Elon Musk, criticava a maior moeda digital do mundo.

Esse cenário de recuperação rápida dos preços como acontece nesta quarta também é sinal de que essas posições alavancadas já devem ter sido ajustadas, cessando o movimento negativo puxado pelas zeragens de posições.

Invista nos fundos de criptomoedas mais acessíveis do mercado: abra uma conta gratuita na XP!

PUBLICIDADE