Estados Unidos

Biden diz que CPI de dezembro mostrou ‘redução significativa’ na inflação

Presidente da maior economia do mundo destacou queda do preço da gasolina no último mês de 2021

Por  Equipe InfoMoney -

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse que o resultado do índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) de dezembro, divulgado nesta quarta-feira (12), mostrou “redução significativa” na inflação desde o último mês – com variação de 0,5%, ante 0,8% em novembro.

“Com preços de gasolina e comida caindo, o indicador demonstra que estamos fazendo progresso em desacelerar a taxa de aumento de preços”, afirmou o líder, em comunicado emitido pela Casa Branca.

Ao mesmo tempo, o dado de inflação reforça que “ainda temos mais trabalho a fazer, com alta de preços ainda alta demais e pressionando os orçamentos familiares”, disse Biden.

O presidente destacou que a inflação é um desafio global e disse que os EUA são “sortudos” em ter um dos crescimentos econômicos mais rápidos, que os permite lidar com o aumento de preços enquanto mantém crescimento econômico sustentável. “Esse é meu objetivo e estou focado em alcançá-lo todos os dias”, comentou.

Inflação dos EUA em 2021 foi a maior desde 1982

Apesar da desaceleração, a inflação americana em 2021 foi a maior em quarenta anos, totalizando 7%. Foram destaques em 2021 os maiores custos com habitação – como água, energia e condomínio – que representam cerca de um terço do total do índice. Os gastos com esse setor avançaram 0,4% em dezembro, somando alta de 4,1% no ano.

Apesar de os gastos com energia terem recuado 0,4% no último mês, a alta acumulada ao longo dos doze meses foi de 29,3%. O preço da gasolina no país avançou 49,6% em 2021, e o do diesel, 41%.

Além disso, a alta do preço de veículos, motivada em grande parte pela crise dos chips semicondutores, também chama a atenção. O valor dos carros usados avançou 3,5% apenas em dezembro, somando 37,3% no ano. O preço de novos veículos subiu 1% em dezembro e 11,8% no ano.

No ano, o preço da comida avançou 6,3% e os gastos com serviços, 3,7%

(Com Estadão Conteúdo)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui!

Compartilhe