Banrisul tem lucro líquido de R$ 187,6 milhões, queda de 12% no ano

Redução do lucro reflete principalmente um aumento nas despesas de provisão para perdas de crédito e nas despesas administrativas

Equipe InfoMoney

Fachada do Banrisul (Foto: Divulgação)

Publicidade

O Banrisul (BRSR6), Banco do Estado do Rio Grande do Sul, divulgou os resultados financeiros referentes ao primeiro trimestre de 2024, destacando um lucro líquido de R$187,6 milhões, uma queda de 12% em comparação com o mesmo período do ano anterior. Esta redução reflete principalmente um aumento nas despesas de provisão para perdas de crédito e nas despesas administrativas, apesar do crescimento nas receitas de prestação de serviços e na margem financeira.

O retorno sobre o patrimônio líquido (ROAE) ajustado do Banrisul foi de 7,7%, mostrando uma diminuição em relação aos 9,0% registrados no primeiro trimestre de 2023. Esta redução é atribuída principalmente ao impacto das maiores despesas de provisão para perdas de crédito, que tiveram um aumento significativo de 42,8%, refletindo a rolagem da carteira por níveis de risco e o crescimento das operações de crédito em atraso.

Saiba mais:
Confira o calendário de resultados do 1º trimestre de 2024 da Bolsa brasileira
Temporada de balanço do 1º tri ganha força: em quais ações e setores ficar de olho?

Continua depois da publicidade

A margem financeira do banco viu um aumento expressivo de 22,9%, totalizando R$1,536.3 milhões, impulsionada pelo crescimento das receitas com juros, beneficiando-se de uma redução na Taxa Selic efetiva e um aumento no volume de operações de crédito. Esses fatores ajudaram a compensar as elevadas despesas de juros, resultando em um robusto crescimento da margem.

As receitas líquidas de tarifas e serviços também apresentaram crescimento, aumentando 11,0% para R$579,0 milhões. Esse aumento foi impulsionado pelo crescimento das rendas de cartão de crédito e das receitas com a Banrisul Pagamentos, destacando a eficácia das estratégias de diversificação de receitas do banco.

Baixe uma lista de 11 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de crescimento para os próximos meses e anos

Continua depois da publicidade

O banco também registrou um aumento de 5,4% nas despesas administrativas, que totalizaram R$1,055.1 milhões. Este aumento está alinhado com o crescimento do quadro de funcionários e os ajustes salariais decorrentes de acordos coletivos.

Sobre a estrutura de endividamento, o relatório detalha um crescimento moderado nos ativos totais, que alcançaram R$129,228.7 milhões, um aumento de 13,8% em relação ao ano anterior, indicando uma gestão prudente do balanço em um ambiente de taxas de juros flutuantes.

O Banrisul, segundo o documento publicado na noite desta terça-feira (14), “mantém uma perspectiva cautelosa para o futuro, conforme indicado no guidance do banco”. A administração enfatiza a contínua adaptação às condições de mercado e a implementação de estratégias para mitigar riscos associados ao seu portfólio de crédito e operações.

Continua depois da publicidade

(Texto feito com ajuda de inteligência artificial / Edição: Vitor Azevedo)