Banco do Brasil (BBAS3) pagará R$ 976,87 milhões em JCP; Itaú (ITUB4) anuncia provento de R$ 0,24724 por ação

JCPs do BB terão como base a posição acionária de 11 de dezembro; já os do Itaú tem como base o próximo dia 6

Equipe InfoMoney

Publicidade

Dois bancos cujas ações registram forte alta em 2023 anunciaram pagamento de proventos na noite sexta-feira (24).

O Banco do Brasil (BBAS3), cuja ação sobe 59% no ano, comunicou ter aprovado no último dia 13 a distribuição de R$ 976,866 milhões a título de remuneração antecipada aos acionistas sob a forma de Juros sobre o Capital Próprio (JCP), relativos ao quarto trimestre de 2023.

O valor é equivalente a R$ 0,34230647023 por ação.

Treinamento Gratuito

Manual dos Dividendos

Descubra o passo a passo para viver de dividendos e ter uma renda mensal previsível, começando já nas próximas semanas

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Os JCP serão pagos em 28 de dezembro de 2023 e terão como base a posição acionária de 11 de dezembro, sendo que os papéis serão negociados “ex JCP”  a partir de 12 de dezembro.

Haverá retenção de imposto de renda na fonte (de 15%) sobre o valor nominal de acordo com a legislação vigente. Os acionistas dispensados da referida tributação deverão comprovar esta condição até dia 13, em uma das agências do BB, destacou o banco.

Já o Itaú Unibanco (ITUB4), com alta da ação PN de 27% no ano, informou nesta sexta que seu conselho de administração aprovou o pagamento de R$ 0,24724 por ação sob a forma de juros sobre capital próprio (JCP).

Continua depois da publicidade

Considerando a retenção de 15% do imposto de renda na fonte, os juros líquidos somam R$ 0,210154 por papel, conforme fato relevante do banco ao mercado.

A distribuição será feita até 30 de abril de 2024, com base na posição acionária registrada no dia 6 de dezembro deste ano.

(com Reuters)