Regulação

Banco da Rússia inicia fase piloto de CBDC e volta a defender o banimento total das criptos

Três instituições bancárias já começaram a dar suporte para clientes interessados na versão digital da moeda oficial do país

Por  CoinDesk

O Banco da Rússia informou que iniciou a fase piloto do rublo digital, sua Moeda Digital de Banco Central (CBDC, na sigla em inglês). A tecnologia deve se tornar uma alternativa às criptomoedas, que deveriam ser totalmente banidas, disse o regulador do país.

De acordo com um anúncio publicado no site do Banco da Rússia na terça-feira (15), três bancos já começaram a dar suporte para clientes que estão usando aplicativos bancários móveis existentes e gateways para trocar rublos de suas contas pela versão digital do dinheiro. Outros noves bancos estão atualizando suas tecnologias para participar do piloto em breve, segundo o aviso.

Ao mesmo tempo, o banco central do país reiterou seu pedido de proibição total das criptomoedas. De acordo com a Forbes, o órgão regulador entrou em contato com o Ministério das Finanças – que havia proposto a liberação de compras regulamentadas de ativos digitais por meio de bancos russos licenciados – e fez objeções à regulação das criptos. Essa abordagem foi posteriormente detalhada em um roadmap sobre o assunto publicado pelo governo.

Em sua carta, o Banco da Rússia disse que permitir que investidores não qualificados negociem criptomoedas por meio de bancos criará “uma ilusão de proteção do governo”, enquanto incentiva as pessoas a participar de um “esquema Ponzi de fato”, escreveu a Forbes. O governo não poderá controlar totalmente as transações de criptomoedas, e indústria não beneficiará realmente a economia russa, citou o banco.

O governo respondeu ao pedido de proibição do banco em janeiro publicando um roadmap para a regulamentação de criptomoedas na Rússia logo depois. O Banco da Rússia foi listado como participante das discussões, no entanto, declarações recentes indicam que a instituição nunca concordou com a ideia de legalizar os ativos digitais. No início deste ano, o presidente Vladimir Putin pediu para o banco central e o governo chegarem a um acordo sobre o assunto.

  • Assista: O que as tensões na Ucrânia têm a ver com o Bitcoin? Analista da Ohm Research responde no Cripto+

O Banco da Rússia planeja pressionar por um projeto de lei para alterar a legislação de ativos digitais de 2020 que proibiria a emissão de criptomoedas, negociação e publicação de informações sobre esses serviços, escreveu a Forbes.

Bancos e provedores de comunicação teriam que bloquear transações para indivíduos conhecidos por estarem envolvidos com negócios relacionados a criptomoedas. As organizações financeiras também não teriam permissão para ter criptomoedas.

Enquanto isso, o Ministério das Finanças está a caminho de propor um projeto de lei sobre a regulamentação de criptomoedas até o dia 18 de fevereiro, informou a agência de notícias TASS.

O projeto do rublo digital foi introduzido pela primeira vez em outubro de 2020, e o Banco da Rússia se comprometeu a criar um protótipo no final de 2021 e testá-lo no início de 2022.

Até onde as criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nós preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistir e receba a Newsletter de criptoativos do InfoMoney

Compartilhe