Em mercados / analise-tecnica

Analista com ganhos de 55% em 2017 diz como rastrear as boas ações da Bolsa

Para Gilberto Coelho, dono da melhor carteira recomendada do ano passado, o processo para encontrar uma boa oportunidade na bolsa está na combinação de 3 fatores técnicos

SÃO PAULO - A Bolsa gera oportunidades de investimentos todos os dias, não é raro ver ações oscilarem 5%, 10% ou 20% em poucos dias. Mas como encontrar esses ativos? O analista técnico Gilberto Coelho, que passou a integrar a equipe da XP Investimentos no começo deste ano, diz que há uma metodologia para isso e que foi usada por ele, inclusive, em sua carteira recomendada, que encerrou 2017 com ganhos de 54,92%, contra alta de 26,86% do Ibovespa, liderando o ranking da Exame.com com 17 portfólios. 

Segundo Giba, como é conhecido no mercado, o ponto de partida está em saber traçar uma estratégia vencedora. Para ele, isso significa buscar ativos que apontem para um potencial de valorização médio de 12%, mas que, caso caminhe na direção contrária, a perda máxima esteja limitada a 4%. A meta, diz, é tentar acertar 60% das operações. Isso porque, se desse para cravar o ganho assim como a perda máxima (lembrando que é renda variável), as operações teriam um retorno médio de 6,4%. 

E como rastrear essas ações? Para ele, esse processo passa pela avaliação de 3 fatores: o IFR (Índice de Força Relativa), que precisa sinalizar compra; a projeção de Fibonacci, usada para selecionar os ativos com maior potencial de alta; e a leitura de três tempos gráficos (diário, semanal e mensal). 

"Quando os tempos gráficos se combinam e o IFR indica compra, temos um padrão de alta probabilidade de ganhos. Já o Fibonacci dá o selo final se a compra vale a pena. Se a ideia é buscar ativos com ganho médio de 12%, é ele que vai me mostrar esse potencial explosivo", explica. 

Nas duas primeiras semanas de 2018, a carteira recomendada do analista já registra ganhos de 5,26%, enquanto o Ibovespa acumula alta de 3,85% no mesmo período. O portfólio válido para os dias 15 a 22 de janeiro é composto pelas ações da Petrobras (PETR4), Alpargatas (ALPA4), Fibria (FIBR3), Ecorodovias (ECOR3) e Gafisa (GFSA3). 

Quer aprender a operar na Bolsa usando as estratégias do Giba? Clique aqui e inscreva-se no seu workshop online e gratuito.  

 

Contato