AMD prevê receita aquém do esperado no 1º tri, apesar de forte demanda por chips para IA

A AMD é a rival mais próxima da Nvidia em chips de IA necessários para criar sistemas avançados como o ChatGPT da OpenAI

Estadão Conteúdo

Publicidade

A Advanced Micro Devices (AMD) projetou receitas abaixo do esperado para o primeiro trimestre, citando fraqueza em alguns de seus principais mercados, mesmo com o crescimento das vendas de chips de inteligência artificial.

A AMD informou que espera cerca de US$ 5,4 bilhões em vendas no trimestre atual, acima dos US$ 5,35 bilhões do mesmo período do ano passado, mas abaixo das previsões de Wall Street, de acordo com a FactSet.

Além das vendas mais fracas de chips para PC e videogames, a AMD acrescentou estar vendo um declínio sazonal nas vendas de servidores onde seus chips estão presentes. Isso foi compensado, no entanto, pelo crescente interesse nos chips da empresa para cálculos de inteligência artificial, de acordo com balanço.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

A AMD é a rival mais próxima da Nvidia em chips de IA necessários para criar sistemas avançados como o ChatGPT da OpenAI.

Além de sua previsão para o primeiro trimestre, a AMD revelou que as vendas no quarto trimestre foram de US$ 6,17 bilhões, um aumento de 10% em relação ao mesmo período do ano anterior. Os lucros também subiram de US$ 21 milhões para US$ 667 milhões em igual base comparativa. Esses números vieram melhores que as previsões de Wall Street.

Diante disso, pouco antes das 7h (de Brasília), a ação da AMD recuava 6,82% no premarket da Nasdaq.