Empresa de energia

AES Brasil (AESB3) lucra 8 vezes mais no 3º trimestre de 2021, a R$ 430,8 milhões

A receita líquida somou R$ 661,7 milhões, alta de 29,9% em relação ao mesmo período do ano anterior

Por  Equipe InfoMoney -

A AES Brasil (AESB3) reportou um lucro líquido de R$ 430,8 milhões no terceiro trimestre de 2021, cifra mais de oito vezes maior ao registrado em igual etapa de 2020.

Segundo a empresa, o resultado se deve a contabilização de um benefício fiscal, no valor de R$ 533 milhões, referente ao processo de reorganização societária do grupo, com a incorporação da AES Tietê pela AES Brasil Operações.

A receita líquida somou R$ 661,7 milhões no 3T21, alta de 29,9% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O lucro antes do juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) caiu 70,5% na comparação com igual etapa de 2020, totalizando R$ 92,1 milhões.

Já a margem Ebitda alcançou 13,9% no 3º trimestre de 2021, baixa de 47,4 p.p. na comparação com igual trimestre de 2020.

Endividamento

Em relação à dívida líquida, a companhia informou que houve um aumento de 85,9%, a R$ 5,202 bilhões.

Dessa forma, o índice de alavancagem, medido pela relação entre dívida liquida e o Ebitda ajustado foi de 2,57 vez, uma elevação de 0,2 vez em relação ao 3T20.

Aprenda a transformar a Bolsa de Valores em fonte recorrente de ganhos. Assista a aula gratuita do Professor Su e descubra como.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Compartilhe