Em mercados / acoes-e-indices

Ibovespa sobe 4% na semana e bate nova máxima, acima de 99 mil pontos; dólar cai 1,30%

Índice registrou alta nesta sexta puxado por ânimo do mercado após leilão de aeroportos, que puxou o dólar de volta para os R$ 3,82

Bolsa ações gráfico
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Após renovar sua máxima histórica intraday, em 99.393 pontos, durante a manhã, o Ibovespa perdeu um pouco de força e passou o pregão desta sexta-feira (15) rondando a marca dos 99 mil pontos. Enquanto isso, o dólar acentuou as perdas no fim da manhã após o resultado do leilão de aeroportos, que arrecadou R$ 2,4 bilhões.

Com isso, o índice fechou com alta de 0,54%, aos 99.136 pontos, acumulando na semana valorização de 3,96%. O volume financeiro ficou em R$ 17,877 bilhões. Enquanto isso, o dólar comercial recuou 0,71%, cotado a R$ 3,8200 na venda - uma queda de 1,30% na semana. Já o dólar futuro com vencimento em abril teve perdas de 0,69%, a R$ 3,819.

A moeda norte-americana chegou a abrir em alta e encostou no nível dos R$ 3,87, passando a cair após dados fracos da economia dos Estados Unidos. Porém, foi com o leilão de aeroportos que a divisa realmente se firmou no campo negativo.

O leilão de privatização de 12 aeroportos superou a outorga estipulada pelo governo de R$ 2,1 bilhões, arrecadando no total R$ 2,377 bilhões. Os terminais estão localizados nas regiões Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste, e, juntos, recebem 19,6 milhões de passageiros por ano, o que equivale a 9,5% do mercado nacional de aviação.

O investimento previsto para os três blocos é de R$ 3,5 bilhões, no período de 30 anos. O ágio médio, diferença entre o mínimo fixado pelo governo para pagamento inicial, e a soma dos lances vitoriosos, foi de 986%.

O grupo espanhol Aena Desarrollo Internacional levou o bloco Nordeste com uma oferta de R$ 1,9 bilhão, enquanto os suíços da Zurich Aiport ficou com o bloco Sudeste, oferecendo R$ 437 milhões, ágio de 830,15%. Já o bloco Centro-Oeste, formado pelos aeroportos de Cuiabá, Rondonópolis, Sinop e Alta Floresta, em Mato Grosso, foi arrematado pelo Consórcio Aeroeste, a R$ 40 milhões, um ágio de 4.739%.

O mercado fica atento também às novidades sobre a reforma da Previdência dos militares, que pode enfraquecer o discurso sobre endurecimento das regras para as demais categorias. 

Assim, apesar do ânimo dos principais mercados mundiais, os investidores seguem cautelosos de olho em novidades sobre a reforma da Previdência. O Estadão destaca que o projeto de lei de pensão militar proposto pelas forças armadas e atualmente sendo analisado pelo Ministério da Economia do governo aumentaria os gastos em R$ 10 bilhões em 10 anos antes de começar a gerar qualquer economia.

Invista melhor o seu dinheiro: abra uma conta GRATUITA na XP.

As forças armadas propuseram um aumento de salário, bônus de fim de carreira e a criação de outro cargo para aceitar a necessidade de trabalhar 35 anos antes da aposentadoria em vez de 30 anos. Se chegar ao Congresso como está, é improvável que o projeto de lei seja bem recebido pelos legisladores e pelo público em geral. 

Atenção ainda para a agenda econômica. No Brasil, os dados de volume de serviços ficaram acima do esperado ao subirem em janeiro 2,1% na comparação anual, ante expectativa de alta de 1,7% e apesar da queda de 0,3% na comparação com dezembro. Isso, somado ao IGP-10, que superou a estimativa, que era de 1,22%, ao acelerar 1,40% em março, chegaram a puxar os DIs para alta no início do pregão.

Contudo, as taxas dos principais contratos de juros futuros mudaram de rumo e fecharam entre perdas e ganhos, com vencimento em janeiro de 2021 subindo 1 ponto-base, a 6,97%, enquanto o com vencimento em janeiro de 2023 caiu 1 ponto-base, para 8,06%.

Nos EUA, o mercado repercute o dado de Empire Manufacturing abaixo do previsto, enquanto também fica de olho na produção industrial e dados do sentimento de consumidor medido pela Universidade de Michigan. 

No mercado de commodities, o petróleo virou para queda de cerca de 1% em meio a preocupações com a oferta e após sessões seguidas de ganhos, o que ajuda a diminuir o ímpeto para as ações da Petrobras.

Destaques de ações
Os papéis de Vale e siderúrgicas tiveram um dia tímido na bolsa, fechando em queda em uma sessão em que o minério de ferro negociado em Dalian registrou ganhos, enquanto o negociado em Qingdao teve perdas. 

Entre outros destaques da Bolsa, a Estácio virou para queda após subir com os resultados do quarto trimestre, quando lucrou R$ 16,3 milhões. BR Malls, Ecorodovias, entre outras, também divulgaram seus números do período.

As maiores altas, dentre as ações que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 BRFS3 BRF SA ON 22,22 +7,08 +1,32 419,94M
 EMBR3 EMBRAER ON 19,75 +5,11 -8,90 103,14M
 ELET3 ELETROBRAS ON 36,45 +3,88 +50,43 129,68M
 JBSS3 JBS ON 14,85 +3,13 +28,13 334,94M
 TIMP3 TIM PART S/AON 12,80 +3,06 +9,43 73,94M

As maiores baixas, dentre os papéis que compõem o Índice Bovespa, foram:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 ESTC3 ESTACIO PARTON 27,00 -2,88 +13,64 264,38M
 ECOR3 ECORODOVIAS ON 10,06 -2,80 +7,25 38,18M
 USIM5 USIMINAS PNA 10,15 -2,78 +10,95 192,05M
 CVCB3 CVC BRASIL ON 54,23 -2,73 -11,36 155,68M
 SMLS3 SMILES ON 49,55 -2,63 +13,59 89,65M

As ações mais negociadas, dentre as que compõem o índice Bovespa, foram:

 Código Ativo Cot R$ Var % Vol1 Vol 30d1 Neg 
 PETR4 PETROBRAS PN N2 28,25 +0,21 1,72B 1,47B 79.320 
 VALE3 VALE ON 50,55 -0,32 1,31B 1,01B 22.821 
 ITUB4 ITAUUNIBANCOPN 36,80 -0,03 701,27M 689,77M 21.946 
 BBAS3 BRASIL ON EJ 54,21 +0,86 685,75M 578,39M 20.377 
 BBDC4 BRADESCO PN EJ 45,70 +0,42 635,33M 722,30M 20.530 
 PETR3 PETROBRAS ON N2 31,62 +1,05 535,14M 296,10M 26.686 
 ABEV3 AMBEV S/A ON 16,76 +0,60 529,85M 378,73M 33.515 
 B3SA3 B3 ON 33,87 +2,08 472,89M 313,30M 23.062 
 BRFS3 BRF SA ON 22,22 +7,08 419,94M 150,60M 37.979 
 JBSS3 JBS ON 14,85 +3,13 334,94M 122,96M 31.096 

* - Lote de mil ações
1 - Em reais (K - Mil | M - Milhão | B - Bilhão)
IBOVESPA

Bolsas mundiais
Os mercados asiáticos fecharam em alta à medida que o sentimento na região melhorou após notícias de que houve avanço nas negociações comerciais entre Estados Unidos e China. Investidores também acompanharam a decisão de política monetária do Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês) e a aprovação parlamentar no Reino Unido do adiamento do Brexit.

Invista melhor o seu dinheiro: abra uma conta GRATUITA na XP.

Segundo a agência de notícias oficial chinesa Xinhua, o vice-primeiro-ministro da China, Liu He, conversou por telefone com o Secretário do Tesouro americano, Steven Mnuchin, e o Representante do Comércio dos EUA, Robert Lighthizer, e os dois lados fizeram progresso significativo nas discussões comerciais.

Mnuchin, porém, disse também que uma reunião de cúpula para selar um acordo comercial entre os presidentes dos EUA, Donald Trump, e da China, Xi Jinping, não acontecerá no fim deste mês, como foi cogitado anteriormente.

Os mercados asiáticos também tiveram ganhos após o governo de Pequim dizer que pode cortar impostos de valor agregado, reforçando as expectativas de uma eventual recuperação da 2ª maior economia do mundo.

Noticiário político

No radar político, atenção para a live feita por Bolsonaro na noite de ontem pelo Facebook. Ao comentar a viagem que fará aos Estados Unidos no próximo domingo, o presidente Jair Bolsonaro disse que quer se aproximar do país, mas ressaltou que a China é o principal parceiro comercial do Brasil. 

O ministro de Relações Exteriores, Ernesto Araújo, disse que a visita aos EUA vai marcar a "retomada de uma parceria natural". "Infelizmente, nos últimos tempos essa parceria foi negligenciada. Parecia que qualquer parceria era boa até entrar os EUA", avaliou Araújo.

O ministro disse que a parceria "pode voltar a ser essencial". "Evidentemente sem a exclusão de outras parcerias nossas", ponderou. Araújo também citou brevemente a Venezuela. O ministro afirmou que a situação do país vizinho também será assunto de reuniões com o governo norte-americano.

Nesta segunda transmissão ao vivo pelo Facebook desde que se tornou presidente, Bolsonaro ignorou a reforma da Previdência. A proposta não foi sequer mencionada nos cerca de 17 minutos da live. 

Falando em Previdência, conforme aponta o Estadão, os estados do Nordeste defendem a necessidade de reforma, mas criticam pontos da proposta como capitalização e BPC de R$ 400. 

As atenções se voltaram ainda para o STF, onde a Operação Lava Jato sofreu uma derrota após a Corte decidir que crimes como corrupção e lavagem de dinheiro serão julgados pela Justiça Eleitoral e não pela Federal, quando tiverem conexão com casos eleitorais, por exemplo o caixa dois de campanha.

(Com Agência Estado, Agência Brasil e Bloomberg)

Invista melhor o seu dinheiro: abra uma conta GRATUITA na XP.

 

Contato