Em mercados / acoes-e-indices

Ibovespa zera ganhos e perde os 86 mil pontos seguindo piora de humor no exterior

Confira os destaques do mercado nesta sessão

investimento alta dólar gráfico
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Após chegar a subir quase 2% durante a manhã, o Ibovespa zerou os ganhos na tarde desta terça-feira (11) acompanhando movimento de virada para negativo no exterior. Pesa no cenário as tensões na Europa, em especial no Reino Unido em relação ao Brexit e na França, com os protestos populares.

Às 15h21 (horário de Brasília), o benchmark da bolsa brasileira tinha perdas de 0,02%, aos 85.900 pontos, com oito ações do índice registrando perdas superiores a 1%. O dólar comercial, por sua vez, tinha alta de 0,01%, cotado a R$ 3,9190 na venda. No exterior, o Dow Jones agora recua 0,36%, após chegar a avançar mais de 1%, enquanto o S&P 500 cai 0,11%.

Entre as ações, pesa no movimento a perda de força dos papéis da Petrobras (PETR4) e dos bancos, mas, de um modo geral, todas as ações com maior relevância na carteira teórica encontram-se longe de suas máximas registradas no intraday. No caso da estatal, o desempenho contrasta com a aceleração dos ganhos do petróleo no mercado internacional. O barril tipo WTI subia 1,78%, a US$ 51,91, ao passo que o brent avançava 0,88%, a US$ 60,50.

Já os contratos de juros futuros com vencimento em janeiro de 2020 caíam 2 pontos-base, a 6,75%. A variação é a mesma dos papéis mais longos, com vencimento em janeiro de 2021, que operam a uma taxa de 7,82%.

A sessão era de relativo alívio para as principais bolsas mundiais, mas com os investidores ainda de olho nas tensões comerciais que tanto abalaram os mercados nas últimas sessões. No fim da noite de ontem, Estados Unidos e China iniciaram a última rodada de discussões comerciais com uma ligação telefônica envolvendo o Secretário do Tesouro americano, Steven Mnuchin, o representante comercial dos EUA, Robert Lighthizer, e o vice-primeiro-ministro chinês, Liu He.

As três autoridades discutiram compras de produtos agrícolas pela China e mudanças em políticas econômicas chinesas durante a ligação, segundo o Wall Street Journal. 

Os investidores também acompanham atentos às idas e vindas do Brexit no Reino Unido e às consequências dos acenos dados presidente francês Emmanuel Macron à sociedade após a onda de protestos dos "coletes amarelos", há quatro semanas.

Seja sócio das maiores empresas da bolsa com TAXA ZERO de corretagem! Clique aqui e abra uma conta na Clear! 

Entre as moedas, a libra se fortalece após a moeda britânica despencar na véspera depois de a premiê Theresa May adiar votação sobre Brexit.

Já o petróleo passou a ganhar forças durante a manhã e sobe mais de 1% após despencar 3,1% na véspera com dúvidas sobre como a Opep implementará seus cortes e receios sobre alta da oferta nos EUA.

As maiores altas dentre as ações que compõem o Ibovespa são:

Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 ELET3 ELETROBRAS ON 25,75 +3,83 +33,14 110,57M
 ELET6 ELETROBRAS PNB 29,35 +2,37 +29,30 66,83M
 TAEE11 TAESA UNT N2 22,72 +2,20 +19,37 21,18M
 CVCB3 CVC BRASIL ON EJ 58,42 +2,18 +23,17 27,51M
 NATU3 NATURA ON 42,63 +1,77 +30,21 41,58M

As maiores baixas dentre as ações que compõem o Ibovespa são:

Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 MRFG3 MARFRIG ON 5,71 -3,55 -21,99 9,87M
 JBSS3 JBS ON 11,37 -3,23 +16,52 43,62M
 SUZB3 SUZANO PAPELON 36,06 -3,19 +93,87 187,60M
 FLRY3 FLEURY ON 20,07 -2,43 -29,87 20,18M
 KROT3 KROTON ON 9,56 -1,95 -46,21 41,34M
* - Lote de mil ações
1 - Em reais (K - Mil | M - Milhão | B - Bilhão)

Noticiário político
A cessão onerosa volta a entrar no radar dos mercados. De acordo com o Estadão, o governo quer marcar para meados de junho de 2019 a data do megaleilão de petróleo na próxima reunião do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE), colegiado de ministros liderado pelo Ministério de Minas e Energia (MME). A reunião do CNPE está marcada para o dia 17 deste mês.  Enquanto isso, a equipe econômica do futuro governo espera que o TCU (Tribunal de Contas da União) garanta o leilão da cessão onerosa mesmo que o projeto de lei sobre o tema não avance no Congresso. 

Já o Valor informa que o Ministério da Fazenda atual sugere à equipe de Bolsonaro que ajuste exigirá aumento de imposto, na contramão do discurso do presidente eleito. 

Na agenda de Bolsonaro, um dia depois de ser diplomado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e pedir o apoio de todos, inclusive dos que não votaram nele, para governar, o presidente eleito retoma hoje em Brasília (11) a agenda com encontro com bombeiros e policiais militares, com o governador eleito de Santa Catarina, além do PSD. 

Também em destaque, a Polícia Federal (PF) cumpre na manhã desta terça mandado de busca e apreensão no apartamento do senador Aécio Neves (PSDB-MG), eleito deputado federal este ano, informa a Globonews. De acordo com a emissora, ocorre operação similar no endereço de Andrea Neves, irmã de Aécio, que chegou a ser presa em 2017.  As residências dos deputados federais Paulinho da Força (SD-SP) e Cristiane Brasil (PTB-RJ) também são alvo de mandados de busca e apreensão.  

Seja sócio das maiores empresas da bolsa com TAXA ZERO de corretagem! Clique aqui e abra uma conta na Clear! 

(Com Agência Brasil, Agência Estado e Bloomberg)

 

Contato