Em mercados / acoes-e-indices

Dólar vai a R$ 4,19 e fecha na máxima histórica com tensão eleitoral; Ibovespa recua 0,6%

Mercado brasileiro destoa do dia positivo no exterior no aguardo por novas pesquisas eleitorais

Dólar
(Shutterstock)

SÃO PAULO - Após chegar a abrir em alta com o bom humor externo, o Ibovespa perdeu forças e virou para queda durante a tarde desta quinta-feira (13) diante de um mercado bastante apreensivo com o cenário eleitoral. Investidores temem que o candidato do PT, Fernando Haddad, comece a ganhar força nas próximas pesquisas, o que aumenta a importância das pesquisas da XP e Datafolha que serão divulgadas amanhã.

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

Neste cenário, o clima no câmbio azedou e o dólar fechou em seu maior patamar na história, com alta de 1,21%, cotado a R$ 4,1957 na venda - na máxima do dia, a moeda superou os R$ 4,20. Com este novo patamar, o mercado já começa a se perguntar se o Banco Central poderá voltar a atuar com leilões extraordinários de swap cambial. Já o Ibovespa fechou com queda de 0,58%, aos 74.686 pontos, com o o volume financeiro atingindo R$ 8,435 bilhões.

A corrida eleitoral ganha mais uma dose de incerteza após Jair Bolsonaro (PSL) passar por nova cirurgia e criar ainda mais dúvida sobre sua participação na campanha deste ano. Segundo o jornal O Estado de S. Paulo, aliados do presidenciável já admitem a hipótese de ele não participar das atividades da campanha nem no segundo turno, caso passe para essa fase da disputa eleitoral.

O efeito imediato na campanha será um novo cessar-fogo na artilharia contra ele por parte dos seus oponentes, que já haviam retomado os ataques após pesquisas eleitorais apontarem que ele continua liderando.

As rodadas de pesquisas seguem sendo divulgadas. O Instituto RealTime Big Data mostra Bolsonaro com 25% dos votos e liderando a corrida no primeiro turno, ao mesmo tempo em que registra situação de empate técnico no segundo turno com Ciro Gomes, Geraldo Alckmin e Fernando Haddad, mas perdendo de Marina Silva (veja a pesquisa completa clicando aqui).

Mais cedo, a inflação abaixo do esperado nos EUA e a decisão surpreendente do banco central turco sustentavam o bom humor dos investidores por aqui. O BC da Turquia decidiu elevar a taxa de juros para 24% ao ano, acima do esperado pelo mercado e contrariando desejo do presidente Recep Tayyip Erdogan. 

A China recebeu um convite dos Estados Unidos para continuar as negociações comerciais, com o objetivo de evitar uma guerra tarifária entre as duas potências, o que seria a quinta rodada de conversas, segundo Geng Shuang, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês. Além disso, os índices norte-americanos sobem após a divulgação de inflação em agosto mais fraca do que a esperada. A média de preços subiu 0,2% ante a expectativa do mercado de alta de 0,3%.

Na Europa, o BCE (Banco Central Europeu) confirmou a redução na compra de títulos em meados de outubro e prevê que novas compras serão suspensas até o final do ano, enquanto taxa de juros seguiu mantida em 0%.

Destaques de ações
As maiores baixas, dentre as ações que compõem o índice Bovespa, foram:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 MRFG3 MARFRIG ON 5,12 -5,19 -30,05 15,59M
 QUAL3 QUALICORP ON 15,31 -3,83 -48,81 39,80M
 RENT3 LOCALIZA ON 20,95 -3,68 -4,82 124,54M
 MGLU3 MAGAZ LUIZA ON 115,43 -3,33 +44,29 182,34M
 CMIG4 CEMIG PN 6,81 -3,27 +5,36 67,62M

As maiores altas, dentre os papéis que compõem o índice Bovespa, foram:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia % Ano Vol1
 VVAR11 VIAVAREJO UNT N2 15,20 +10,79 -37,81 141,05M
 RAIL3 RUMO S.A. ON 13,84 +1,69 +6,71 119,56M
 BRKM5 BRASKEM PNA 60,84 +1,28 +48,03 147,49M
 SANB11 SANTANDER BRUNT 33,76 +0,99 +8,61 78,28M
 KROT3 KROTON ON 9,72 +0,83 -45,70 106,43M

As ações mais negociadas, dentre as que compõem o índice Bovespa, foram:

 Código Ativo Cot R$ Var % Vol1 Vol 30d1 Neg 
 VALE3 VALE ON 53,78 +0,62 773,15M 711,25M 28.665 
 PETR4 PETROBRAS PN N2 18,71 -1,27 686,31M 1,03B 37.379 
 ITUB4 ITAUUNIBANCOPN ED 41,40 -0,55 490,20M 484,12M 23.638 
 SUZB3 SUZANO PAPELON 51,76 -0,06 270,36M n/d 14.119 
 BBDC4 BRADESCO PN EJ 27,59 -0,40 229,52M 334,32M 16.427 
 PCAR4 P.ACUCAR-CBDPN 76,87 -0,13 210,40M 97,53M 6.276 
 ABEV3 AMBEV S/A ON 18,33 -0,65 200,43M 276,78M 24.569 
 BBAS3 BRASIL ON EJ 27,29 -1,34 185,53M 333,33M 17.616 
 MGLU3 MAGAZ LUIZA ON 115,43 -3,33 182,34M 175,88M 6.828 
 B3SA3 B3 ON 21,20 0,00 179,76M 168,46M 17.900 

* - Lote de mil ações
1 - Em reais (K - Mil | M - Milhão | B - Bilhão)
IBOVESPA

Quer investir em ações pagando só R$ 0,80 de corretagem? Clique aqui e abra sua conta na Clear

Contato