Em mercados / acoes-e-indices

Antes de investir em ações, observe a governança, alerta conselheira da Eletrobras

Patricia Stierli foi a convidada do programa Upside, na InfoMoney TV

SÃO PAULO - Segundo a pesquisa Women in the Boardroom, feita pela multinacional britânica Deloitte com 7 mil companhias ao redor do mundo, cerca de 15% dos assentos em conselhos de administração são ocupados por mulheres. No estudo, o Brasil figura na 37ª colocação entre 44 países listados no ranking, com somente 7,7% de participação feminina no topo das organizações.

Na opinião de Patricia Stierli, que faz parte do conselho fiscal da Eletrobras, “essa participação tende a aumentar”. “Em alguns países, na Europa, foram instituídas cotas para garantir a presença feminina nos conselhos de empresas”, afirmou ela, que foi a convidada de hoje o programa Upside, com apresentação de Shin Lai — analista de investimentos da Upside Investor e responsável pelos relatórios Super Combo Upside —, na InfoMoney TV.

Com mais de 35 anos de experiência no mercado de investimentos, Patricia Stierli tem também uma boa visão a esse respeito e deu dicas importantes para o investidor que quer se posicionar em ações. Uma delas é observar a governança corporativa. “Nas empresas, as pessoas é que fazem a diferença.”

Veja abaixo o programa Upside.

 

Contato