Em mercados / acoes-e-indices

Exportação recorde da Petrobras, grupamento de 100 ações para uma e mais 3 destaques

Confira os principais destaques corporativos da Bovespa desta noite

Petrobras - Bloomberg
(Bloomberg)

SÃO PAULO - Com a pauta dominada pelo noticiário político nesta segunda-feira (11), o radar corporativo perdeu força, mas ainda assim 5 empresas ganharam destaque nesta noite, como pode ser visto abaixo:

Petrobras (PETR3; PETR4)
A Petrobras exportou em março uma carga de 50 milhões de litros de diesel para a Argentina, a primeira grande exportação do combustível neste ano, uma forma de a empresa lidar com a fraqueza do mercado interno, afirmou fonte da empresa à Reuters. Apenas essa carga exportada representaria o maior volume mensal de diesel vendido pelo país ao mercado externo desde março de 2014, quando o Brasil exportou 59,9 milhões de litros, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Ainda que a Petrobras seja uma importadora líquida de petróleo e derivados, a estatal está atenta a oportunidades de exportação, acrescentou a fonte, na condição de anonimato, explicando que os negócios com o exterior ajudam a estatal a reduzir o excedente, em momento em que as vendas de combustíveis estão em retração no Brasil, afetadas pela recessão. "Estamos sempre olhando e tentando abrir novas janelas e oportunidades. Achamos que pelas condições que temos de preço, frete e logística, o Atlântico Sul, na parte mais baixa (do Atlântico Sul), é uma oportunidade", disse a fonte.

Em fevereiro deste ano, o Brasil exportou apenas 500 mil litros de diesel, segundo a ANP, enquanto o volume de março, segundo a fonte, representaria mais 60 por cento de todo o combustível exportado em 2015 (81,2 milhões de litros).

Contax (CTAX11)
A Contax adiou para 20 de abril votação de grupamento de 100 para uma ação. A decisão foi adiada por falta de quórum em AGE (Assembleia Geral Extraordinária) que estava marcada para hoje. O edital da segunda convocação será publicado amanhã, conforme informou a empresa à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) nesta noite. 

Se aprovada a operação, a unit da empresa passaria a valer R$ 62,00, caso fosse utilizado o preço de fechamento desta segunda-feira (11), de R$ 0,62. Vale lembrar que o grupamento é necessário porque a BM&FBovespa não permite mais "penny stocks" (ações de centavos). 

Na reunião desta segunda-feira, a Contax votaria também pautas como a mudança da companhia para o segmento Novo Mercado, que possui exigências maiores de governança corporativa. Para quem é investidor, o efeito mais visível disso será a extinção das ações preferenciais e units - justamente as mais negociadas da Contax - que serão convertidas em papéis ordinários, aqueles que dão direito a voto ao acionista.

Direcional (DIRR3)
Direcional Engenharia informou que lançou R$ 101 milhões no 1° trimestre deste ano, crescimento de mais de 4 vezes, conforme dados prévios divulgados nesta segunda-feira. Já as vendas avançaram em mais de 2 vezes, indo para R$ 118 milhões. 

Paranapanema (PMAM3)
Paranapanema fez acordo com a Plano Madeira para imóveis em Capuava. A companhia assinou compromissos de venda e compra dos terrenos nos quais está instalada a antiga planta de Capuava, desativada em fevereiro de 2015, disse a empresa em comunicado ao mercado. Os terrenos estão localizados nos municípios de Santo André e Mauá, com área total de, aproximadamente, 150.000 m². O valor a ser pago para a companhia pela comercialização dos imóveis está fixado em um determinado percentual do valor geral de vendas do empreendimento a ser lançado. O fluxo de recebimento deste valor acompanhará o fluxo de comercialização do referido empreendimento. 

Saraiva (SLED4)
A Saraiva informou nesta noite que a GWI Asset aumentou sua participação para 38,97% das ações preferenciais da empresa. A informação foi divulgada após fechamento deste pregão na CVM.  

Especiais InfoMoney:

Carteira InfoMoney rende 17% no 1º trimestre; 5 novos papéis entraram no portfólio de abril

Trader que perdeu R$ 285.000 com Telebras conta como deu a volta por cima

André Moraes diz o que gostaria de ter aprendido logo que começou na Bolsa

 

Contato