Em mercados / acoes-e-indices

Aquisição da BRF na Argentina, IPO da Caixa Seguridade e mais 8 notícias no radar

Fique por dentro das notícias que agitam o pós-pregão dessta quinta-feira (01)

BRF - Bloomberg
( Jean Pierre Pingoud)

SÃO PAULO - O pós-pregão do primeiro dia do mês trouxe notícias aquisições de subsidiárias da BRF, adiamento do IPO da Caixa Seguridade, esclarecimento sobre as investigações da Operação Acrônimo pela da Gol, entre outros destaques. Confira os destaques:

BRF
A BRF (BRFS3), maior exportadora mundial de carne de frango, anunciou nesta quinta-feira a compra de marcas de salsicha, hambúrguer de carne e margarina na Argentina por US$ 43,5 milhões.

A companhia comprou as marcas Vieníssima (salchichas), GoodMark (hambúrguer) e Manty e Delícia (margarinas). A operação também incluiu as marcas Hamond, Tres Cruces e Wilson. O valor da transação será pago em pesos argentinos.

Já o diretor para América Latina da BRF, Alexandre Borges, afirmou que a companhia quer "consolidar a posição de liderança das marcas, além de ampliar as exportações”.

Caixa Seguridade
As instabilidades no mercado financeiro levaram a Caixa Econômica Federal a adiar a abertura de capital (oferta de ações no mercado) da Caixa Seguridade, subsidiária de seguros do banco. A operação estava prevista para ocorrer ainda este ano.

Em nota, a Caixa não informou nova data para a oferta pública inicial de ações (IPO na sigla em inglês). “A Caixa informa que, considerando o momento atual do mercado, decidiu adiar o lançamento da oferta pública inicial de ações de sua subsidiária integral Caixa Seguridade Participações S.A.”. 

Gol
A Gol (GOLL4) informou que prestou todas as informações solicitadas pela Polícia Federal nesta quinta-feira. As buscas, que foram autorizadas pelo STF, correm em sigilo, já que envolve suspeita de irregularidades na campanha de Fernando Pimentel (PT), governador de Minas Gerais. Alem da empresa, outras companhias também estão sendo investigadas como a CBF, Casino, Marfrig, Caoa, Camargo Correa e Odebrecht Ambiental.

JBS
A JBS (JBSS3) comunicou que foi aprovado o cancelamento do saldo das ações mantidas em sua tesouraria, ou seja, 87.568.055 ações ordinárias. Em função do cancelamento de ações deliberado, o capital social da companhia passou a ser dividido em 2.856.857.505 ações ordinárias, que deverá ser ajustado em AGE (Assembleia Geral Extraordinária) ainda a ser convocada. A administração comunicou que o atual plano de recompra de ações continua vigente, respeitado os limites de manutenção em tesouraria de 10% das ações em circulação no mercado.

Metal Leve
O conselho de administração da Mahle Metal Leve (LEVE3) aprovou nesta quinta-feira o fechamento da subsidiária fluminense Mahle Hirschvogel Forjas, em decisão tomada em consequência de crise vivida pelo mercado de autopeças.

A companhia afirmou que a decisão "visa descontinuar os produtos fabricados por essa subsidiária" diante de redução de pedidos de clientes atuais e "falta de perspectiva futura para os mesmos". A companhia afirmou ainda que o encerramento vai estancar prejuízos da subsidiária.

Iguatemi
O Shopping Iguatemi anunciou hoje a aquisição de parte da participação imobiliária no condomínio comercial Shopping Pátio Higienópolis, correspondente a 8,150%, e no empreendimento da expansão do mesmo condomínio, correspondente a 9,150%. O valor total do negócio é de R$ 125.039.816,00, valor que será pago em duas parcelas. A diretoria ficou autorizada a assinar todos os documentos necessários à formalização da aquisição.

Even
A Even (EVEN3) comunicou que a Nova Milano Investimentous atingiu participação superior a 25% do capital social total e votante da companhia.

Abear
Em coletiva com jornalistas, o presidente da Abear (Associação Brasileira das Empresas Aéreas), Eduardo Sanovicz, afirmou que cerca de 40% do preço das passagens aéreas é querosene de aviação e que o atual momento econômico não permite repasse de preços. "Em duas ou três semanas, iremos retomar o diálogo com o ministério da Fazenda", afirmou Sanovicz.

Banco Pine
O Banco Pine (PINE4) comunicou que o pedido de autorização para redução temporária do percentual mínimo de ações em circulação para 20% do capital social foi acolhido. Segundo comunicado divulgado na CVM (Comissão de Valores Mobiliários), a recomposição do Free Float, conforme exigido pelo Regulamento, deverá ocorrer até 30 de junho de 2018, sendo que a companhia não poderá, em nenhuma hipótese, cancelar as ações em tesouraria que sejam objeto de recompra.

Raia Drogasil
A Raia Drogasil (RADL3) comunicou que foi realizado o fechamento e implementação da transação para a aquisição do controle da 4-Bio Medicamentos. Com a aquisição, a companhia ingressa no mercado varejista de Medicamentos de especialidades, o segmento farmacêutico que apresenta maior taxa de crescimento no Brasil e no mundo.

 

Contato