Em mercados / acoes-e-indices

Ibovespa cai digerindo Ibope e em meio a tensões geopolíticas; Petrobras cai 2%

EUA autorizou bombardeios no Iraque e aumentou aversão ao risco dos mercados; no Brasil, mercado fica de olho na pesquisa Ibope e IPCA e aguarda balanço da Petrobras

SÃO PAULO - O Ibovespa segue as quedas da véspera e acompanha o aumento das tensões internacionais; o mercado também segue de olho na pesquisa Ibope no Brasil, que mostrou uma manutenção do cenário para a corrida presidencial, apesar de mostrar estreitamento na corrida no segundo turno.

Às 10h34 (horário de Brasília), o índice registrava queda de 0,47%, a 55.923 pontos, com as ações da Petrobras caindo quase 2%; vale ressaltar que o balanço da companhia será divulgado hoje após o fechamento do pregão. 

O mercado fica de olho nas tensões geopolíticas na Ucrânia, mas com um outro país aumentando ainda mais a aversão ao risco: o Iraque. Na última quinta-feira, o presidente dos EUA autorizou ataques aéreos no Iraque e disse eles são necessários para prevenir genocídio no país, onde militantes islâmicos controlam parte da região. De acordo com informações divulgados hoje pelo Pentágono, o exército dos EUA atingiu a artilharia do grupo radical ISIL. Porém, em Wall Street, o dia é de leves ganhos. 

O governo de Israel voltou a bombardear a região de Gaza após militantes do território atacarem país com foguetes. 

Enquanto isso, no Brasil, a pesquisa eleitoral Ibope mostrou a presidente Dilma Rousseff (PT) mantendo os mesmos 38% de intenções de voto registrados na pesquisa de julho. Enquanto isso, Aécio Neves (PSDB) passou de 22% no último mês para 23% agora. No entanto, a vantagem em segundo turno segue diminuindo entre Dilma e Aécio: 6 pontos, contra 8 na pesquisa anterior. Conforme ressaltou a LCA Consultores, a pesquisa Ibope apresentou resultados que não compensarão os efeitos negativos do exterior. 

"A ausência de grande mudança no cenário (para qualquer lado) pode reduzir o impacto da pesquisa no mercado, mas vale lembrar que muitos esperavam alguma deterioração de Aécio após 'Aeroporto de Cláudio'. Nada disso aconteceu. Muito pelo contrário: sua rejeição caiu (passou de 15% para 12%). Já Dilma segue com a maior rejeição (36%). Apenas 32% consideram seu governo 'ótimo' ou 'bom' e 31% o consideram 'ruim' ou 'péssimo'", destaca a Guide Investimentos.

Enquanto isso, a inflação oficial brasileira ficou levemente abaixo das estimativas em julho e voltou a ficar dentro do teto da meta no acumulado de 12 meses, mostra o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) registrou alta de 0.01% em julho, ante variação positiva de 0,40% em junho. O resultado ficou abaixo das projeções compiladas pela LCA, que esperava inflação de 0,10%.

Resultados chamam a atenção
Por outro lado, as ações de empresas que divulgaram resultados apresentam movimentos expressivos nesta sessão. A Ecorodovias (ECOR3) vê seus papéis registrarem baixa após registrar uma queda do lucro líquido  de 40% no segundo trimestre na comparação anual, derrubado por aumento de custos. A empresa teve lucro líquido de R$ 52,3 milhões no período, frente aos R$ 87,1 milhões do segundo trimestre do ano passado. O número veio aquém da expectativa do mercado, cuja média apontava para um lucro líquido de R$ 68,9 milhões. 

 Segundo a equipe de análise da XP Investimentos, a empresa teve uma queda de receita puxada por Ecoporto e Elog, enquanto que o segmento de concessões performou abaixo de esperado. "As perspectivas para o curto prazo da empresa estão bem difíceis, com atividade econômica desacelerando e a maior concorrência no porto de Santos continua", completa a corretora.

Já a Cetip (CTIP3) vê seus papéis caírem cerca de 1%, registrando um resultado com menor crescimento em todas as principais linhas, conforme destacou a Planner. O lucro líquido ajustado foi de R$  134,8 milhões, em linha com o trimestre anterior e 5% acima do lucro do mesmo período do ano passado. 

Entre as maiores altas estão os papéis da Marfrig (MRFG3), que sobem após ser autorizada a a exportar para a Rússia, informou a Abiec (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes). O governo russo anunciou na quarta-feira que permitirá um aumento significativo das vendas de carne e laticínios do Brasil, depois dos embargos impostos aos produtos dos Estados Unidos e União Europeia pela Rússia, em meio à crise da Ucrânia.

As maiores baixas, dentre as ações que compõem o Índice Bovespa, são:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia
 PETR3 PETROBRAS ON 18,40 -2,13
 PETR4 PETROBRAS PN 19,75 -1,99
 ECOR3 ECORODOVIAS ON 13,69 -1,79
 BBAS3 BRASIL ON 27,54 -1,50
 ESTC3 ESTACIO PART ON 29,11 -1,49



As maiores altas, dentre os papéis que compõem o Índice Bovespa, são:

 Cód. Ativo Cot R$ % Dia
 MRFG3 MARFRIG ON 6,60 +1,85
 SANB11 SANTANDER BR UNT N2 14,96 +0,61
 GOLL4 GOL PN N2 13,67 +0,51
 USIM5 USIMINAS PNA 8,04 +0,37
 BRFS3 BRF SA ON 57,57 +0,09

 

Contato