Em mercados / acoes-e-indices

Após Brasil, Petrobras e Eletrobras também têm rating rebaixado pela S&P

As notas acompanharam a classificação do governo brasileiro, que também teve a nota reduzida de BBB para BBB-

plataforma da Petrobras
(Divulgação/Petrobras)

SÃO PAULO - O rebaixamento do rating do governo brasileiro pela agência de classificação de risco Standard & Poor’s na última segunda-feira (24) teve reflexos na avaliação de empresas diretamente ligadas ao País. As estatais Petrobras (PETR3;PETR4) e Eletrobras (ELET3;ELET6) também tiveram a nota reduzida de BBB para BBB-, com perspectiva estável, sem indicação de mudança nos próximos meses.

As notas acompanharam a classificação do governo brasileiro, que também teve a nota reduzida de BBB para BBB-. Além da Petrobras e da Eletrobras, a mineradora Samarco, controlada pela Vale (VALE3;VALE5) e pela mineradora anglo-australiana BHP, também foi rebaixada para BBB-.

Mais cedo, a agência havia anunciado a redução da nota da dívida do governo brasileiro, com base no baixo crescimento econômico e na falta de clareza da política fiscal em ano de eleições. A Standard & Poor’s ressaltou ainda que o grau de endividamento das famílias fará o consumo crescer menos e que a confiança dos empresários está caindo, com reflexos na moderação dos investimentos privados.

 

Contato