Em mercados / acoes-e-indices

Radar: comece o pregão sabendo as novidades do cenário corporativo

Ata do Copom fica em destaque, com sinais de mais cortes na Selic; TRT aceita demissões da Embraer, impondo indenizações

SÃO PAULO - Se depender da quantidade de referências domésticas e internacionais, esta quinta-feira (19) promete ser agitada. Enquanto os mercados acionários externos continuam a avaliar a decisão do Federal Reserve de comprar até US$ 300 bilhões em Treasuries de longo prazo e aumentar a aquisição de títulos lastreados em hipotecas, o plano interno reflete a divulgação da ata do Copom (Comitê de Política Monetária).

O mercado doméstico também pode refletir a alta das commodities metálicas e agrícolas e o movimento positivo nos preços do petróleo, impulsionados pela decisão do Fed e pela declaração de Wen Jiabao, primeiro-ministro da China, de que é necessária uma implantação rápida do estímulo governamental para combater a crise no país.

Justiça do Trabalho
O dia também começa com um noticiário corporativo pesado. Dando continuidade às discussões iniciadas no início deste mês, o TRT (Tribunal Regional do Trabalho) de Campinas decidiu pela não-reintegração dos ex-funcionários da Embraer (EMBR3), permitindo que sejam mantidas as 4,2 mil demissões anunciadas em fevereiro.

Porém, o tribunal considerou os cortes abusivos e determinou que a empresa deverá manter o convênio médico familiar até maio de 2010, além de pagar mais dois avisos prévios, com teto de R$ 7 mil por funcionário. Os desembargadores também informaram que a Embraer deve priorizar esses empregados em caso de contratações futuras.

Resultados operacionais
Na temporada de resultados, destaque para o frigorífico Marfrig (MRFG3), que reportou prejuízo de R$ 74,2 milhões no quarto trimestre de 2008. No acumulado do ano, as perdas foram de R$ 35,5 milhões, frente ao lucro de R$ 84,9 milhões contabilizado em 2007.

A Cyrela Commercial Properties (CCPR3) também anunciou os resultados, mostrando um lucro líquido de R$ 9,57 milhões no trimestre e de R$ 33,81 milhões no acumulado do ano, superando em 45,8% o resultado de 2007.

 

Contato