Reorganização

Ações do Banco Inter (BIDI11) fecham com queda mesmo após informar que seguirá com planos de listagem nos EUA

Como mais de 10% de sua base de acionistas optou pelo regate antecipado, reorganização societária não será implementada como prevista inicialmente

Por  Equipe InfoMoney -

As Ações do Banco Inter (BIDI11;BIDI4;BIDI3), que subiram na abertura dos negócios nesta sexta-feira (3) na bolsa de valores, acabaram fechando com queda, respectivamente, de 0,27%, 0,98% e 0,36%.

Na abertura, as units chegaram a disparar mais de 5%, já que, pouco antes da abertura do pregão, a empresa informou, em comunicado ao mercado, que seguirá “envidando seus melhores esforços para dar continuidade ao processo de Reorganização Societária com vistas à migração de sua base acionária para a Inter Platform, Inc.”.

Segundo a empresa, esse processo resultará na listagem de suas ações na Nasdaq e na negociação de BDRs lastreados em ações de emissão da Inter Platform na B3.

“O Inter reforça que, em seu entendimento, a reorganização societária não pôde ser efetivada neste momento em razão da combinação da mecânica para pagamento da opção ‘cash-out’ e do cenário adverso atual do mercado de capitais brasileiro”, informou no comunicado.

Cancelamento do cash-out

Ontem, após o fechamento do mercado, a empresa informou em fato relevante que a “reorganização societária não será implementada nos nos termos aprovados na assembleia geral extraordinária realizada em 25 de novembro de 2021”.

“Foi apurado um valor da opção ‘cash-out’ superior a R$ 2 bilhões, de forma que não foi atendida a condição de que o valor total a ser desembolsado para fins de pagamento da opção ‘cash-out’ não excedesse tal montante”, escreveu a empresa no fato relevante.

Em entrevista ao InfoMoney, na semana passada, a diretora financeira e de relações com investidores do Inter, Helena Lopes Caldeira, havia reforçado que, para que a operação seguisse, seria necessário que não mais do que 10% de sua base atual de acionistas optasse pelo ‘cash-out’.

“Como não é transação automática, caso a demanda pelo ‘cash-out’ seja superior a R$ 2 bilhões, a reestruturação pode não acontecer”, havia dito.

Inter: próximos passos

Como consequência, a empresa informou ainda que não haverá mais restrição à dinâmica de negociação das ações do Inter, “e todos os seus acionistas continuarão a negociar livremente com as suas ações, sem qualquer alteração, a partir de 03 de dezembro de 2021”.

Analista da Rico Corretora ensina ferramentas práticas a extrair lucro do mercado financeiro de forma consistente. Inscreva-se Grátis.

Compartilhe