Em laep

Conselho da Laep aprova fusão com Prosperity e empresa deixará de existir

Acionistas da Laep poderão receber R$ 0,517 por ação, o que indica um prêmio de 26,1% em relação ao último fechamento; proposta será votada 7 de março

caixas de leite Parmalat - Laep
(Wikimedia)

SÃO PAULO - O Conselho de Administração da Laep (MILK11) aprovou na noite da última segunda-feira (18) a fusão da empresa com a Prosperity Overseas, uma companhia de capital fechado das Bermudas. Os acionistas da companhia vão se reunir em 7 de março para ver se aprovam ou não a fusão.

Em fato relevante, a companhia brasileira disse que a Laep deixará de existir e as obrigações conjuntas das empresas ficará a cargo da Prosperity. A justificativa do conselho para aprovar a fusão, segundo o comunicado, deve-se entre outros motivos à "situação patrimonial em que se encontra a Sociedade e suas companhias investidas".

Os acionistas detentores de ações ou BDRs da empresa terão o direito de receber R$ 0,517 por cada ação, o que representa um upside de 26,1% em relação ao preço do fechamento da última segunda-feira (R$ 0,41), além de também ser um ágio de 9% sobre a média do fechamento nos últimos 170 pregões.

 

Contato