Em jbsfriboi

Em carta a Trump, maior sindicato de carne bovina dos EUA pede que a JBS seja banida do país

Em carta de 11 páginas, o CEO da associação diz que é necessário uma ampla investigação contra a empresa para que seja restaurada a integridade da indústria de carne bovina no país

JBS_Bloomberg

SÃO PAULO - Em uma carta de 11 páginas endereçada ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, o R-Calf United Stockgrowers of America, maior sindicato de carne bovina dos Estados Unidos, pede que o Departamento de Justiça americano rejeite qualquer acordo de leniência com a JBS (JBSS3) e inicie uma investigação minuciosa e eficaz sobre as práticas de aquisição de gado da empresa no país. 

Assinada pelo CEO do sindicato, Bill Bullard, a carta pede para que, se as alegações contra a empresa (citando práticas de corrupção para influenciar as ações e políticas governamentais) se provarem verdadeiras, que todo o bem da companhia baseado nos EUA seja "imediatamente alienado". 

"Se foi-se descoberto que a JBS, de fato, construiu seu império de carne dos EUA através de meios ilegais, então todo bem baseado nos EUA de propriedade da JBS deve ser imediatamente alienado. Da mesma forma, se for encontrado que a JBS se envolveu em uma conduta ilegal para conseguir favores da política pública no Congresso, agências federais e governos estaduais, então essas posições políticas devem ser imediatamente revisadas", diz a carta. 

O documento lembra que, desde 2008, o sindicato vem alertando o Departamento de Justiça dos EUA de que a empresa era um ator ruim e prejudicava a indústria de gado do país através do exercício de seu poder de marketing abusivo, e que está "claro que o modelo de negócios da empresa dependia fortemente de pessoas e práticas corruptas para influenciar as ações e políticas governamentais, bem como influenciar as decisões por entidades reguladas pelo governo, por exemplo, e bancos".

Por conta disso, o sindicato pede que o Departamento de Justiça dos EUA e Congresso trabalhem juntos para restaurar a integridade da indústria de carne bovina dos Estados Unidos, conduzindo uma ampla investigação sobre todos os aspectos das operações da empresa no país nos últimos anos.

 

Contato