Em itausa

BlackRock passa a deter 5% das ações preferenciais da Itaúsa

Gestora afirmou ainda que objetivo da operação é apenas de investimento; BlackRock realizou diversas operações no mercado brasileiro

Itaú Unibanco - agência Faria Lima
(Divulgação)

SÃO PAULO - A Itaúsa (ITSA4) informou que a gestora de ativos BlackRock passou a deter participação de aproximadamente 5% das ações preferenciais da companhia, segundo comunicado ao mercado enviado após o fechamento do mercado nesta terça-feira (18). De forma agregada, a gestora passou a deter o montante de 149.203.555 ativos da Itaúsa. 

A BlackRock afirmou ainda que o objetivo da operação é apenas de investimento, e não visa alteração do controle acionário ou da estrutura administrativa da empresa. De acordo com o comunicado, a gestora não detém debêntures conversíveis em ações ou quaisquer valores mobiliários conversíveis em ações emitidos pela Itaúsa e que também não foram celebrados quaisquer contratos ou acordos que regulem o exercício de direito de voto ou a compra e venda de valores mobiliários emitidos pela Itaúsa.

Somente em setembro, a gestora realizou diversas operações no mercado acionário brasileiro. No começo do mês, a BlackRock aumentou a sua participação em 5% nas ações preferenciais da Usiminas (USIM5) e passou a deter 5,78% dos ativos PN da Marcopolo (POMO4). Na terça-feira da semana passada (11), a gestora reduziu ainda pela metade a sua participação na HRT Petróleo (HRTP3). 

 

Contato