Em imoveis

Momento para comprar imóvel é bom, mas mercado segue cauteloso, diz executivo

 Arthur Matarazzo Braga, sócio da Lote 5 desenvolvimento Urbano, participou do programa Imóveis

SÃO PAULO – O momento é bom  quem  comprar imóveis, mas os incorporadores e construtores seguem cautelosos por conta do baixo crescimento do país.  A opinião é de Arthur Matarazzo Braga, sócio da Lote 5 desenvolvimento Urbano, que participou do programa Imóveis.

O programa é apresentado por Ricardo Reis, estruturador de negócios e fundos imobiliários e coordenador do MBA em Negócios e finanças de Real Estate do Ibmec. As reservas para inscrição podem ser feitas clicando aqui.

“Nós viemos de uma recessão pesada, que deixaram os preços muito deprimidos nos últimos anos – e eles ainda não voltaram ao patamar de antes. Os lançamentos ainda estão mostrando incorporadores cautelosos – todos com medo de que a venda não responda às expectativas. Por isso acho que é um excelente momento para o comprador final adquirir seu terreno ou apartamento. Daqui a seis, ou oito meses, esse mercado pode  passar a ter preços mais caros”, disse o executivo.

Ele também ponderou que a economia ainda está patinando, o que provoca certo receio por parte dos investidores. “Não podemos esquecer que ainda temos 13 milhões de desempregados, e o crescimento da economia ainda está muito baixo. Está todo mundo cauteloso. Tem saído bons produtos, com bons preços, mas sempre lançados com cautela”, destacou.

 

Contato