Em imoveis

Fugindo? Brasileiros correspondem a 16% dos compradores de imóveis em Miami

Preços das propriedades no local estavam baixos em torno de 2010 e investidores aproveitaram situação

Miami
(Shutterstock)

SÃO PAULO – Os estrangeiros correspondem a 56% dos compradores de imóveis em Miami, segundo uma pesquisa da Association of Realtors da região, e os brasileiros lideram o ranking com 28% de interessados, aproximadamente 16% do total. 

Aliás, os latino-americanos são maioria na cidade. Em segundo lugar ficaram os argentinos (21%), seguidos de perto pelos venezuelanos, com 20% dos interessados em adquirir uma casa em Miami.

Com isso, os três países representam cerca de 40% do total de compradores, bastante próximo do número de americanos (44%.)

Segundo Flávia Nguyen, corretora imobiliária há mais de quatro anos no sul da Flórida, o principal motivo que leva os estrangeiros a adquirirem propriedades nos EUA começou há cinco anos.

“O comprador estrangeiro com dinheiro para investir, busca sempre uma boa oportunidade no mercado e, desde 2010, eles notaram que os valores do mercado imobiliário do sul da Flórida estavam muito baixos e que consequentemente iriam subir novamente”, explica.

 

Tudo sobre:  Imóveis   Miami  

Contato