Em imoveis / fundos-imobiliarios

5 Fundos Imobiliários para investir em julho, segundo carteira que rendeu 234% do CDI em 12 meses

Conheça 10 FIIs para viver de renda, de acordo com analistas da XP Investimentos

Prédios Comerciais
(Shutterstock)

SÃO PAULO – Junho de 2018 marcou o 12º mês de existência das carteiras recomendadas de Fundos Imobiliários da XP Investimentos. No período completo, o desempenho acumulado dos fundos recomendados na carteira voltada a renda foi de 17,36%; 594% do benchmark (Índice de Fundos Imobiliários - IFIX), cuja rentabilidade nos últimos 12 meses acumulou 2,92%, e 234% do CDI no mesmo período (7,39%).

No mês, a carteira registrou uma queda de 2,12%, pressionada pelos fundos XPML11 e HGBS11. Segundo os analistas responsáveis, a sensibilidade da classe de fundos com foco em shoppings centers é comum frente à abertura da curva de juros. “Contudo, eles são resilientes no médio prazo e são capazes de colocar preços acima da inflação”, explica o relatório mensal. Por isto, ficam mantidos na carteira. Vale lembrar que esta carteira em específico tem foco em renda, portanto, no médio e longo prazo.

Ajudaram a atenuar a queda, causada por enorme volatilidade no mercado em geral, os fundos de CRI (Certificados de Recebíveis Imobiliários) – ou seja, aqueles cujos ativos são papeis de renda fixa. Para a XP, estes fundos se mostram uma boa alternativa no momento.

“A estratégia de investimento em crédito imobiliário é uma ótima alternativa aos que buscam retorno acima do CDI e baixa correlação com outras classes de ativos. Ademais, os principais índices de preço, que corrigem os proventos distribuídos, devem apresentar variações mais expressivas até o final deste ano, melhorando significativamente o dividend yield dos mesmos”, resume o relatório.

Na comparação com o mês anterior, a carteira recomendada de julho excluiu o fundo HGBS11, que mostrou desempenho volátil no período. Foi incluído o VISC11. “Hoje o fundo possui 1,01x de VM/PL, mesmo com recursos expressivos em caixa desde sua última captação (R$ 500 milhões). A expectativa é que anunciem a alocação de pelo menos parte desse montante já no próximo mês, aliviando a pressão sobre seus retornos”, explicam os analistas.

Confira a composição da carteira recomendada – renda para este mês:

  •  
  • Peso Fundo
    20% XP Malls (XPML11)
    20% Kinea Renda Imobiliária (KNCR11)
    20% Maxi Renda (MXRF11)
    20% Kinea Índice de Preços (KNIP11)
    20% Vinci Shopping Centers (VISC11)

Quer investir em fundos imobiliários? Abra uma conta na XP.

Contato