Em eletrobras

Dívida líquida da Eletrobras recua 1,4% no 1º tri para R$ 25,7 bilhões

A empresa informou que, dos R$ 5,705 bilhões em investimentos totais planejados para este ano, R$ 501,3 milhões já foram realizados até o primeiro trimestre, equivalente a 8%

Eletrobras 05
(Divulgação/Eletrobras)

A Eletrobras (ELET6) encerrou o primeiro trimestre deste ano com uma dívida líquida pro forma de R$ 25,722 bilhões, ante R$ 26,098 bilhões do trimestre imediatamente anterior, significando uma retração de 1,4%. A dívida bruta terminou março em R$ 54,204 bilhões, ante R$ 54,841 bilhões ante final de dezembro do ano passado.

A empresa informou que, dos R$ 5,705 bilhões em investimentos totais planejados para este ano, R$ 501,3 milhões já foram realizados até o primeiro trimestre, equivalente a 8%.

Do total corporativo, foram aplicados R$ 341,7 milhões de janeiro a março e das SPEs outros R$ 159,7 milhões.

Entre os principais aportes realizados no primeiro trimestre, destaque para manutenção de geração, com R$ 155,7 milhões (19% do total do ano) e aportes em transmissão, no total de R$ 95,6 milhões (7% do ano).

 

Contato