Em educacao / guias

Errou na contratação? Reverta o engano em algo positivo!

Contratar a pessoa errada para integrar sua equipe pode gerar certa frustração. Porém, todo erro pode se tornar aprendizado!

Você tem uma pequena empresa e não conta com muito apoio para o recrutamento, seleção e contratação do seu pessoal. Por este motivo, acaba se envolvendo bastante neste processo e sabe o quanto tudo é gratificante, quando dá certo, e o quanto é frustrante, quando percebe que contratou a pessoa errada. Nestas condições, o que fazer?

Aprenda com o erro
Em primeiro lugar, você deve ter consciência de que o comportamento humano é bastante inesperado. Isso significa que, por mais observador que você seja, existe uma grande possibilidade de ocorrer um equívoco, tanto da sua parte como do candidato.

Na ânsia de garantir a vaga, é comum que os candidatos se mostrem de uma forma bastante ideal, em alguns casos, fazendo-nos acreditar que encontramos a pessoa certa.

Já você, envolvido em mil assuntos ao mesmo tempo, não vê a hora de encerrar o processo seletivo e já partir para o dia a dia, certo? Conclusão: esta soma de expectativas pode levá-lo a uma situação ideal, porém falsa, que poderá durar alguns dias, ou alguns meses.

Sem final feliz
Constatado o erro, o melhor a fazer é corrigi-lo logo. Analise com cuidado o perfil deste profissional e verifique se ele pode ser enquadrado em outra área da sua empresa. Caso isto não seja possível, converse francamente com o profissional e procure observar suas pretensões e habilidades. Exponha o seu ponto de vista e seja bastante claro quanto ao equívoco.

Já se esta decisão partir dele, você perceberá, entre outros aspectos, a falta de comprometimento e de afinidade com o seu grupo. Portanto, agradeça por isso ter acontecido o quanto antes, evitando envolvimento da equipe e desgaste em treinamento, reivindicações e discussões.

Avaliar para não repetir
Superado o problema, é interessante que você liste os motivos pelos quais a escolha foi mal sucedida. Relacione tudo, analisando cada item em seguida.

Um erro bastante comum na contratação é procurarmos pessoas extremamente parecidas com o nosso perfil ou com o da equipe. Lembre-se de buscar, nestes candidatos, aspectos peculiares que venham somar ao grupo. Em muitas situações, as diferenças são bem-vindas e bastante produtivas.

Durante a entrevista, separe o que você "quer ouvir" do que você realmente "está ouvindo". Isto significa agir com total equilíbrio e imparcialidade, mesmo diante de uma necessidade urgente de contratar alguém. Convide uma pessoa de sua confiança para que participe do processo junto com você. Uma segunda opinião é sempre valiosa em decisões como estas.

Lembre-se, o processo de seleção não é fácil, e deve ser encarado com seriedade e bastante paciência. Boa sorte!

 

Contato