Pandemia

Vacinas existentes podem proteger contra variante brasileira do coronavírus, diz estudo de Oxford

Estudo de Oxford examinou o impacto dos anticorpos induzidos naturalmente e pelas vacinas em diferentes variantes do vírus

(Getty Images)

LONDRES (Reuters) – As vacinas existentes contra a Covid-19 podem proteger contra a variante brasileira do coronavírus, de acordo com um estudo da Universidade de Oxford que examinou o impacto dos anticorpos induzidos naturalmente e pelas vacinas em diferentes variantes do vírus.

“Esses dados sugerem que os anticorpos induzidos naturalmente e pelas vacinas ainda podem neutralizar essas variantes, mas em níveis menores”, afirma o estudo.

“Mais importante, a variante ‘brasileira’ P1 pode ser menos resistente a esses anticorpos do que se temia inicialmente.”

Transformar a Bolsa de Valores em fonte recorrente de ganhos é possível. Assista a aula gratuita do Professor Su e descubra como.