UE diz que condições para acordo comercial com Mercosul não foram atendidas

Vice-presidente executivo da Comissão Europeia, Maros Sefcovic, deu declarações contrárias ao acordo em meio a protestos de agricultores em vários países europeus nos último dias

Reuters

(Getty Images Plus)

Publicidade

Estrasburgo (Reuters) – As condições que permitiriam à União Europeia concluir um acordo comercial com o Mercosul não foram atendidas, disse o vice-presidente executivo da Comissão Europeia, Maros Sefcovic, nesta quarta-feira (7).

“A avaliação da Comissão é que as condições para a conclusão do acordo com o Mercosul não foram atendidas”, disse Sefcovic ao Parlamento Europeu.

O planejado acordo de livre comércio passou por uma análise política minuciosa nas últimas semanas, em meio a protestos em vários países europeus de agricultores que dizem estar sendo prejudicados por importações baratas de países que não respeitam os altos padrões ambientais do continente.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

O acordo entre o Mercosul e a União Europeia estabelece uma série de medidas para facilitar o comércio entre os dois blocos, como a eliminação do Imposto de Importação será eliminado para mais de 90% dos bens comercializados entre os países dos dois blocos, após um período de transição.

Embora não seja um tratado de livre comércio, ele prevê regras que devem tornar mais dinâmico o diálogo político e institucional entre as duas partes.