Termina nesta 5ª feira

STF forma maioria por passaporte de vacina e aprova quarentena

Julgamento termina nesta quinta; nenhum ministro votou contra até agora

Por  ANSA Brasil

(ANSA) – O Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria de votos nesta quarta-feira (15) a favor de manter a decisão do ministro Luís Roberto Barroso que determinou a obrigatoriedade do passaporte sanitário para viajantes que chegarem ao Brasil.

O julgamento é realizado em plenário virtual, no qual os ministros inserem o voto eletronicamente no sistema do STF, e termina nesta quinta (16), às 23h59.

Até o momento, já votaram o relator, Barroso, Cármen Lúcia, Alexandre de Moraes, Rosa Weber, Edson Fachin e o presidente Luiz Fux, totalizando seis votos. Nenhum ministro votou contra até agora.

Com isso, será mantida a exigência do passaporte aos viajantes, além da determinação de que brasileiros e estrangeiros residentes no Brasil que viajaram para o exterior após 14 de dezembro e, ao retornar, não apresentarem comprovante de vacinação deverão comprovar o teste negativo de Covid-19 e fazer quarentena de 5 dias – que somente se encerrara? com novo teste negativo.

No último sábado (11), Barroso determinou que o comprovante de vacina para viajante que chega do exterior no Brasil só pode ser dispensado por motivos médicos, caso o viajante venha de país em que comprovadamente não haja vacina disponível ou por razão humanitária excepcional.

A decisão foi tomada após o ministro deferir pedido do partido Rede Sustentabilidade.

Cadastre-se na IMpulso e receba semanalmente um resumo das notícias que mexem com o seu bolso — de um jeito fácil de entender:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe