Produção industrial na Alemanha recua 3,4% em março ante fevereiro

Na comparação com março de 2022, a produção da indústria ainda foi 1,8% maior; indústria automotiva puxou queda mensal

Roberto de Lira

Fábrica da BMW na Alemanha (Sean Gallup/Getty Images)

Publicidade

A produção industrial da Alemanha em março caiu 3,4% em termos reais ante fevereiro, de acordo com dados com ajustes sazonais divulgados nesta segunda-feira (8) pelo Destatis, o instituto de estatísticas oficial do país.

Na comparação com março de 2022, a produção da indústria ajustada ao calendário foi 1,8% maior. Excluindo energia e construção, o indicador cresceu 3,6% em comparação com o mesmo mês do ano passado.

Em fevereiro o indicador mensal tinha apontado para uma alta de 2,1%, segundo dados revisados para cima (o anterior era de 2,0%). Considerando o 1º trimestre de 2023, a produção da indústria alemã foi 2,5% maior ante o mesmo período de 2022..

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Segundo o Destatis, a indústria automobilística teve uma contribuição particularmente grande para a queda na produção geral no mês, com retração de 6,5% em março, após alta de 6,9% em fevereiro.

As quedas na fabricação de máquinas e equipamentos (-3,4%) e na construção civil (-4,6%) também responderam por grande parte do recuo gera.

A produção de bens de capital recuou 4,4% em março, ao indicador de bens intermediários encolheu 3,5% e a produção de bens de consumo caiu 0,1% em março de 2023 na comparação com o mês anterior. Já a produção de energia aumentou 0,8% em relação ao mês anterior.