Previsões quase certeiras

Previsão de Guedes de queda de PIB mostra confiabilidade, diz secretário especial da Fazenda

Na terça, ministro da Economia falou que a queda na economia ficaria abaixo de 4% e, nesta quarta, o instituto divulgou uma retração de 4,1%

arrow_forwardMais sobre
(Crédito: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil)

O secretário especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, disse que a diferença na previsão feita pelo ministro Paulo Guedes na terça-feira, 2, e o número efetivo para o crescimento da economia brasileira em 2020, divulgado nesta quarta-feira, 3, pelo IBGE, mostra a “confiabilidade do processo”.

Na terça, Guedes falou que a queda na economia ficaria abaixo de 4% e, nesta quarta, o instituto divulgou uma retração de 4,1%.

“O ministro ontem não tinha essa informação do PIB, somente expectativas. Por nossos modelos internos, achávamos que ia ficar pouco abaixo de 4%, mas houve pequena variação em modelagem entre nossas previsões e resultado”, afirmou.

Segundo Rodrigues, a última previsão da equipe econômica era de uma queda de 3,95%. “Muito pequena a diferença em relação ao recuo de 4,06% do IBGE o instituto divulgou o número arredondado de -4,1%”, completou.

O secretário disse ainda que as expectativas do governo ancoraram as previsões do mercado ao longo de 2020, quando havia grande incerteza sobre o comportamento da economia em relação à pandemia. “O grau de incerteza aumentou recentemente, mas é menor do que em abril/maio do ano passado”, acredita.

Como um trader ganha dinheiro, controla perdas, equilibra o emocional e multiplica capital? Assista na Imersão Trader Estratégico, treinamento gratuito do analista Charlles Nader.