PMI de serviços do Brasil cresce em janeiro para o nível mais alto desde junho

Índice de gerentes de compras passou de 50,5 em dezembro para 53,1 em janeiro, com demanda aquecida; PMI composto foi a 53,2 no primeiro mês do ano, nível é mais forte desde agosto de 2022

Roberto de Lira

Publicidade

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) de serviços do Brasil voltou a mostrar crescimento, passando de 50,5 em dezembro para 53,1 em janeiro, informou nesta segunda-feira (5) a S&P Global. O indicador no mês foi o mais alto desde junho do ano passado.

Essa evolução, acompanhada pela expansão do PMI industrial em janeiro anunciada na semana passada (para 52,8), fez o indicador composto crescer para 53,2 no primeiro mês do ano. Esse nível é mais forte desde agosto de 2022.

Segundo a S&P Global, o crescimento da atividade de serviços no Brasil recuperou a força no início de 2024, estimulado por uma sólida expansão de novos pedidos, que foi a mais acelerada desde junho passado.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

As condições favoráveis de demanda e o otimismo em relação às perspectivas para o próximo ano para a atividade também impulsionaram a criação de empregos.

O aumento dos preços de alimentos, combustíveis e serviços públicos (eletricidade, internet e água) contribuiu para um alta mais acelerada dos encargos gerais. Ainda assim, apesar da aceleração desde dezembro, a taxa de inflação foi uma das mais fracas registradas em cerca de três anos e meio.

Pollyanna De Lima, diretora associada econômica da S&P Global Market Intelligence, comentou em nota que, embora as perspectivas de crescimento tenham melhorado consideravelmente nos setores industrial e de serviços, as pressões sobre os preços contidas no primeiro setor contrastaram com a inflação persistente no segundo.

Continua depois da publicidade

“As pressões sobre os custos agregados recuaram para o nível mais fraco desde julho, mas a inflação dos preços cobrados na atividade de serviços atingiu a maior alta em oito meses.”

Tópicos relacionados