Sistema elétrico

ONS reduz previsão de carga de energia em outubro; vê mais chuvas no Sudeste e Sul

Na semana passada, o operadora havia estimado uma alta de 0,8% ante o mesmo mês de 2020

arrow_forwardMais sobre
Linhas de transmissão de energia (Shutterstock)

RIO DE JANEIRO (Reuters) – O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) reduziu nesta sexta-feira a expectativa de carga de energia elétrica no Brasil em outubro para uma queda de 0,1%, a 71.163 MW médios, conforme relatório semanal.

Na semana passada, o operadora havia estimado uma alta de 0,8% ante o mesmo mês de 2020.
“O desempenho do índice reflete ainda a expansão do setor industrial, apesar das pressões de custo, alto desemprego e instabilidades econômicas”, disse o ONS em nota.

“Outro fator que influencia no recuo da carga é a previsão de temperaturas mais amenas nas regiões Sul e Sudeste/Centro-Oeste.”

ONS ainda elevou a projeção de chuvas para hidrelétricas do Sudeste e Centro-Oeste a 99% da média histórica, versus 61% na semana anterior.

Já os reservatórios do Sul terão precipitações em 116% da média, ante 122% na semana passada.
Para o Nordeste, as chuvas foram projetadas em 42% da média, acima dos 37% da semana anterior.

Analista da Clear apresenta plano detalhado para começar a construir uma renda diária utilizando a Bolsa de Valores. Inscreva-se grátis.