Ministério da Economia: Acordo do Mercosul com Cingapura pode incrementar PIB em R$ 28,1 bilhões até 2041

Segundo a Pasta, no mesmo período, é esperado um aumento de R$ 11,1 bilhões nos investimentos

Estadão Conteúdo

Publicidade

O Acordo de Livre Comércio entre o Mercosul e Cingapura pode representar um incremento de R$ 28,1 bilhões no Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil até 2041, estimou o Ministério da Economia. Segundo a Pasta, no mesmo período, é esperado um aumento de R$ 11,1 bilhões nos investimentos, R$ 21,2 bilhões nas exportações brasileiras para aquele país e R$ 27,9 bilhões nas importações.

Como mostrou o Broadcast, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado, além do além do acordo com Cingapura, o Mercosul decidiu reduzir em 10% da Tarifa Externa Comum (TEC). Em novembro do ano passado, o Brasil reduziu unilateralmente a TEC em 10%, aproveitando de uma exceção no regulamento do bloco que permite medidas do tipo para a “proteção da vida e da saúde das pessoas”. Em maio deste ano, após o acirramento da guerra entre Ucrânia e Rússia, o governo brasileiro conduziu uma nova redução de 10%, em diversos produtos.

A homologação da redução pelos demais países do Mercosul é vista pelo governo brasileiro um ato simbólico que fortalece a medida tomada por Brasília no ano passado. O Brasil não conseguiu, entretanto, que a segunda baixa de 10% da TEC fosse homologada por todos neste momento.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

A abertura da reunião do Conselho de Mercado Comum contou com a presença virtual de autoridades do Ministério do Comércio e Indústria de Cingapura, que destacaram a conclusão das negociações com o Mercosul para a assinatura de um tratado de livre comércio, que deve ocorrer na reunião de chefes de Estado do bloco amanhã.

As tratativas entre o Mercosul e Cingapura começaram ainda em 2018. No ano passado, as exportações do bloco para o país asiático alcançaram US$ 5,9 bilhões, enquanto as importações somaram US$ 1,25 bilhão. A expectativa é de que o acordo possibilite um incremento de US$ 500 milhões nas vendas do Mercosul para a ilha.

Por se tratar de um entreposto importante para o comércio no Sudeste Asiático, Cingapura é o sexto principal destino das exportações brasileiras, com US$ 939,360 milhões em embarques em junho, ou 2,88% do total vendido pelo País.

Continua depois da publicidade

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.