IPC-S acelera em todas as sete capitais no encerramento de dezembro, afirma FGV

O avanço mais significativo de preços captado pelo indicador aconteceu em Brasília, com a variação passado de 0,44% para 0,70% na quadrissemana

Estadão Conteúdo

Brasília liderou as altas de preços entre as capitais no período (Antônio Cruz/Agência Brasil

Publicidade

O Índice de Preços ao Consumidor – Semanal (IPC-S), da Fundação Getulio Vargas (FGV), registrou avanço em todas as sete capitais pesquisadas na passagem da terceira para a quarta e última quadrissemana de dezembro. No período, o índice passou de 0,18% para 0,29%, encerrando 2023 em 3,55%.

O avanço mais significativo entre as capitais aconteceu em Brasília (0,44% para 0,70%). Em seguida, aparecem Belo Horizonte (0,29% para 0,51%); Recife (-0,47% para -0,27%); Salvador (0,12% para 0,30%); São Paulo (0,08% para 0,18%); Porto Alegre (0,34% para 0,36%) e Rio de Janeiro (0,28% para 0,29%).