Inflação ao consumidor na Alemanha acelera para 3,7% em dezembro, mostra prévia

O núcleo do CPI, que exclui as variações de alimentos e de energia, continuou em desaceleração, passando de 4,3% anuais em outubro para 3,8% em novembro e 3,5% em dezembro

Roberto de Lira

Bandeira da Alemanha (Foto: Getty Images)

Publicidade

A taxa de inflação ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) anualizada da Alemanha acelerou de 3,2% em novembro para 3,7% em dezembro, segundo dados preliminares divulgados nesta quinta-feira (4) pelo Destatis, o serviço federal de estatísticas do país.

Caso se confirme o dado prévio, a taxa de inflação média anual deverá situar-se em 5,9% em 2023. A variação mensal em dezembro foi 0,1% ante novembro.

Os dados anual e mensal da inflação alemã ficaram em linha com o consenso Refinitiv de analistas, que previa taxa de 0,1% no mês e de 3,7% em 12 meses.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Núcleo

O núcleo da inflação, que exclui as variações nos preços de alimentos e de energia, continuou seu processo de desaceleração, passando de 4,3% anuais em outubro para 3,8% em novembro e 3,5% em dezembro.

Já a inflação de serviços também tem perdido força, mas num ritmo mais lento, passando de 3,9% em outubro para 3,4% em novembro e 3,2% em dezembro.

Ainda segundo o Destatis, os preços de energia, que inclui tanto o consumo doméstico como as variações dos combustíveis automotivos, tiveram um repique m dezembro, saindo de uma queda de 4,5% em novembro para uma alta de 4,1% no último mês de 2023.

Continua depois da publicidade

Os preços dos alimentos, por sua vez, perderam força: saíram de uma inflação de 5,5% para 4,5% na mesma comparação.