China quer facilitar ainda mais o acesso a investimentos e financiamentos internacionais

Presidente Xi Jinping diz que o governo trabalhará para participar de forma mais ativa em reformas regulatórias financeiras internacionais

Estadão Conteúdo

Publicidade

O presidente da China, Xi Jinping, afirmou nesta terça-feira (16) que o país pretende facilitar ainda mais os investimentos e financiamentos internacionais, fortalecendo a “interconexão entre os mercados financeiros domésticos e estrangeiros”.

De acordo com ele, o governo trabalhará para participar de forma mais ativa em reformas regulatórias financeiras internacionais e manter a segurança do sistema mediante condições de maior abertura da China para o cenário externo.

Os comentários de Xi fizeram parte de um discurso para um seminário sobre “Desenvolvimento financeiro de alta qualidade”, que contou com a presença de diversos líderes de províncias e ministros da China.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Em seu discurso, o presidente ainda destacou a necessidade de fortalecer a supervisão financeira, o banco central do país – o Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês) – e o yuan, além de expandir o combate a corrupção.